Este é um espaço para celebrar a vida e as pessoas. Viaje comigo nesta aventura!

Meghan Markle escolheu hospital onde parto pode custar R$ 140 mil

Lilibet Diana nasceu no Hospital de Santa Bárbara Cottage, onde um parto pode custar 20 mil libras, o equivalente a R$ 142 mil

atualizado 07/06/2021 14:16

Príncipe Harry e Meghan MarkleFacundo Arrizabalaga - Pool/Getty Images

Às 11h40 da sexta-feira (4/6), Meghan Markle deu à luz a Lilibet Diana, sua segunda filha, fruto do casamento da ex-atriz de Hollywood com o príncipe Harry. A notícia só foi revelada dois dias depois, no domingo (6/6). A menina veio ao mundo pesando 3,2 quilos. Ocupante da oitava posição na linha de sucessão ao trono britânico, a criança nasceu no Hospital de Santa Bárbara Cottage, onde um parto pode custar 20 mil libras, o equivalente a R$ 143 mil.

Não faltaram motivos para Meghan escolher a maternidade, inaugurada em 8 de dezembro de 1891. Fundação sem fins lucrativos, o hospital está localizado próximo à mansão luxuosa do casal Sussex, em Montecito, bairro da cidade californiana de Santa Bárbara. Segundo o Daily Mail, o percurso da residência dos Sussex até lá leva, em média, 10 minutos de carro. Atualmente, um grupo de 50 mulheres supervisiona a instituição onde nascem cerca de 2,4 mil bebês por ano.

Um parto natural custa em torno de 10 mil libras, o mesmo que R$ 71 mil. Já uma cesariana dobra o valor e chega aos R$ 143 mil. Meghan não é a primeira famosa a dar à luz na maternidade de luxo. Vizinha dos duques de Sussex, Katy Perry também teve a primogênita, Daisy, no Hospital de Santa Bárbara Cottage, em agosto. A cantora é mulher do ator Orlando Bloom, amigo de Harry.

Príncipe Harry e Meghan Markle
Príncipe Harry e Meghan Markle anunciaram, no domingo (6/6), o nascimento da segunda filha. A menina veio ao mundo na sexta-feira (4/6)
Dependências

Construído no estilo colonial espanhol, o hospital faz com que os visitantes se sintam em casa, ou melhor, em um hotel, conforme definiu o tabloide Daily Mail. Cada quarto dispõe de wi-fi, monitor de vídeo e teclado de computador. Integram também serviço de quarto e gastronômico. Em cada acomodação, há uma despensa para que as mulheres em trabalho de parto e acompanhantes possam se servir de lanches na hora que desejarem.

Conforto é uma das palavras de ordem na maternidade eleita por Meghan Markle para o nascimento de Lilibet Diana. Na cama, há muitas almofadas para ajudar na comodidade e aconchego da mulher prestes ou que acabou de dar à luz. Em cada sala de parto, constam um sofá, uma cadeira de balanço e uma poltrona reclinável. A duquesa de Sussex teve à disposição banheira de hidromassagem para hidroterapia.

Príncipe Harry com Meghan Markle e Archie
Foto do casal para anunciar a gravidez de Lilibet Diana

Duquesa de Sussex, Meghan havia planejado o nascimento de Lilibet em casa após o parto do primogênito, Archie, em 2019. O menino chegou ao mundo no Hospital de Portland, em Londres. De acordo com a empresa que controla a maternidade de Santa Bárbara, a Cottage Health, o local funciona como hospital-escola e centro de traumas com 519 leitos, o maior do tipo entre Los Angeles e a área da baía de São Francisco.

Com uma equipe de 600 médicos, a instituição onde nasceu Lilibet Diana estampa a lista dos hospitais gerenciados de forma mais eficiente na Califórnia, segundo a empresa coordenadora. O lugar passa por um processo de reconstrução para ficar à prova de terremotos. A obra está avaliada em US$ 700 milhões, o equivalente a R$ 3,5 bilhões. Segunda filha de Meghan e Harry, a menina é a primeira descendente da rainha a nascer nos Estados Unidos.

0
Lilibet Diana

Orgulhosos do nascimento da menina, os papais Meghan e Harry expressaram a felicidade em um comunicado: “Fomos abençoados com a chegada de nossa filha, Lili. Ela é mais do que poderíamos imaginar e continuamos gratos pelo amor e orações que sentimos em todo o mundo. Obrigado por sua contínua gentileza e apoio durante este momento muito especial para nossa família”.

A menina veio ao mundo na sexta-feira (4/6), mas as boas-novas só foram reveladas dois dias depois, no domingo (6/6). Ao comunicarem a chegada da bebê, os duques de Sussex anunciaram o nome dela, Lilibet Diana Mountbatten-Windsor. A primeira alcunha faz homenagem à avó do pai da criança, a rainha Elizabeth II. O nome era o apelido da monarca. Já Diana saúda a falecida mãe do príncipe Harry.

Meghan Markle, príncipe Harry e rainha Elizabeth II
O casal Sussex ao lado da rainha Elizabeth II
Archie

Quem também chegou ao mundo em uma maternidade de luxo foi Archie, primogênito dos duques de Sussex. O irmão de Lilibet Diana completou 2 aninhos em maio. Conforme apurou o The Mirror, uma estadia no Hospital de Portland, em Londres, custa 20 mil libras, o equivalente a R$ 142 mil. Também nasceram no local as princesas Beatrice e Eugenie, primas de Harry.

Dependendo dos requisitos dos papais, os valores podem quadruplicar. O Hospital de Portland é conhecido pelos altos padrões, por exemplo, aos cuidados de luxo na maternidade. Os progenitores têm à disposição empresa privada para fotografar o recém-nascido e uma loja de presentes. As refeições trazem a assinatura da cozinha do hotel cinco estrelas The Dorchester. Delícias como foie gras, lagostas e ostras são servidas em pratos de prata.

Príncipe Harry com Eugenie e Beatrice
Marido de Meghan, Harry com as primas Eugenie e Beatrice

Para saber mais, siga o perfil da coluna no Instagram.

Últimas notícias