4 alimentos capazes de eliminar a gordura abdominal, segundo a ciência

O famoso whey protein, ideal para controlar a glicemia e o apetite, encabeça a lista

atualizado 10/08/2022 16:46

dieta sobrepeso gordura barrigaWitsanu Thangsombat/Getty Images

A gordura abdominal é um detalhe na composição corporal que vai muito além da estética. Quando a gordura acomete a cavidade abdominal, a famosa gordura visceral pode comprometer a saúde e até aumentar os riscos de doenças cardiovasculares.

Para se ter ideia, a Organização Mundial da Saúde (OMS) estabelece como ponto de partida para a avaliação dos riscos de síndrome metabólica – que potencializa o surgimento de hipertensão, diabetes, colesterol e outras doenças – a circunferência abdominal. Em homens, uma circunferência abdominal acima de 102 centímetros já apresenta riscos. Nas mulheres, o sinal vermelho é acendido a partir dos 88 centímetros.

Quando o assunto é perder a barriguinha, dificilmente alguém passa indiferente à informação e, pensando nisso, existem alguns alimentos que podem, sim, ser aliados desse objetivo.

A maioria das pessoas tende a acumular a gordura na região do abdômen e, por isso, ela é a primeira a diminuir quando melhoramos os hábitos alimentares.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
Publicidade do parceiro Metrópoles 3
0

Um estudo publicado no jornal International of Behavioral Nutrition and Physical Activity com mais de 1,3 mil pessoas revelou que os participantes que tomaram um café da manhã saudável apresentaram menos gordura na região estomacal do que aqueles acostumados a comer torradas ou cereais na primeira refeição.

Lembrando que, de forma isolada, nenhum alimento tem poder de engordar ou emagrecer, mas alguns alimentos podem potencializar a perda de gordura.

A seguir, confira quatro alimentos aliados do emagrecimento, segundo a ciência:

1. Whey protein

As proteínas são alimentos sacietogênicos. Ou seja, fornecem mais saciedade em relação aos carboidratos. Ingerir whey pela manhã, logo, pode ajudar a controlar a glicemia ao longo do dia, além de liberar mais peptídeos gastrointestinais anorexígenos, ideais para reduzir o apetite por meio da sensação prolongada de saciedade.

2. Ovos

Alimento versátil e nutritivo, o ovo tem bom teor de proteínas e contém gorduras saudáveis que elevam a saciedade. Uma pesquisa mostrou que os homens que acrescentaram ovos no café da manhã consumiram cerca 270 a 470 calorias a menos na hora do almoço em comparação com aqueles que comeram cereais, torradas ou croissants.

3. Mingau de aveia

A aveia é um superalimento. Ajuda a controlar os níveis de colesterol e contribui para a saúde intestinal. Rica em fibras, ela ainda prolonga a sensação de saciedade. O mingau de aveia é uma preparação muito saudável aliada do emagrecimento. Um estudo com norte-americanos constatou que indivíduos com o hábito de consumir aveia têm um índice de massa corpórea mais baixo, além de menor circunferência abdominal.

4. Iogurte

Iogurtes mais próximos ao natural fazem parte do cardápio mediterrâneo e ainda conferem diversos benefícios à saúde. Uma pesquisa científica mostrou que indivíduos acostumados a consumir o alimento três vezes ao dia conseguiram perder mais peso. O iogurte também é um alimento probiótico. Ou seja, contém bactérias benéficas ao organismo. Vale ressaltar que, com a saúde intestinal em dia, fica mais fácil emagrecer.

Para recomendações específicas de alimentos e dieta, consulte um profissional.

(*) Thaiz Brito é nutricionista pós-graduanda em Nutrição Esportiva Clínica

Mais lidas
Últimas notícias