Este é um espaço para celebrar a vida e as pessoas. Viaje comigo nesta aventura!

Nutricionista lista 7 tipos de alimentos para combater a insônia

Segundo a OMS, a privação do sono afeta 40% dos brasileiros. Anote as dicas de Bettina Del Pino para uma noite de sono revigorante

atualizado 24/04/2021 13:56

insôniaPexels e Reprodução/Instagram

Você sabia que a insônia afeta 40% dos brasileiros? O dado da Organização Mundial da Saúde (OMS) é preocupante, sobretudo porque a privação do sono pode prejudicar a saúde, já que afeta o sistema imunológico e aumenta os riscos de desenvolver doenças, como hipertensão, diabetes, depressão e obesidade.

A boa notícia é que a alimentação é uma forte aliada na produção de substâncias importantes, como vitamina B6, magnésio e triptofano, indispensáveis para a qualidade do sono. De acordo com a nutricionista Bettina Del Pino, o triptofano, assim que reconhecido pelo nosso cérebro, estimula a produção de um neurotransmissor chamado serotonina, responsável por regulação do sono, bom humor e sensação de bem-estar. “A ingestão de vitamina B6 e magnésio ajuda na produção do triptofano em nosso corpo”, explica a profissional.

Bettina Del Pino
Nutricionista Bettina Del Pino

Bettina esclarece que não é só a alimentação que interfere no sono. O contrário também acontece. “Noites mal dormidas afetam diretamente as escolhas alimentares durante o dia. Não dormir por tempo suficiente ou ter uma noite de má qualidade leva ao aumento da ingestão de opções ricas em gordura, como uma forma de recompensa para o cérebro”, pondera.

Confira, a seguir, sete tipos de alimentos que contribuem para noites de sono revigorantes:

1 – Grãos integrais

Os grãos integrais são grandes fornecedores de carboidrato e contêm vitaminas e minerais que podem auxiliar na melhor absorção de triptofano.

grãos integrais
Grãos integrais

Leia: fazendo dieta low carb? Confira quais são os carboidratos certos

2 – Castanhas e sementes
Castanhas
Variedades de castanhas

As castanhas e sementes são fontes ricas em triptofano. Além disso, fornecem magnésio, que auxilia no combate dos efeitos do hormônio do estresse. Você pode apostar na linhaça, no gergelim, nas sementes de abóbora, amêndoas, nozes, sementes de girassol, no pistache, na castanha-de-caju, castanha-do-pará, nas sementes de chia, entre outras.

Leia: saiba como incluir castanhas na dieta para conseguir emagrecer

3 – Aveia
Aveia
Aveia

A aveia é fonte de melatonina, conhecida popularmente como hormônio do sono. A substância facilita o sono.

Leia: em flocos, farelo ou farinha: descubra o tipo de aveia certo para sua dieta

4 – Grão de bico, ervilha, feijão, lentilha e soja
grão de bico
Grão de bico

Esses alimentos são fontes ricas de vitaminas do complexo B, que ajudam no bom funcionamento do sistema nervoso.

Aprenda: salada de grão de bico com molho de mostarda e rúcula para o jantar

5 – Banana
banana
Bananas

A fruta é rica em carboidratos e magnésio, responsáveis pelo auxílio na produção de hormônios, como a serotonina e melatonina, que contribuem para a qualidade do sono.

Leia: sem desperdício! Veja 7 benefícios e 6 receitas para usar a casca da banana

6 – Frutas vermelhas e kiwi
frutas vermelhas e kiwi
Frutas vermelhas e kiwi

Estas duas opções possuem bastante antioxidantes, que favorecem o controle e o tratamento dos distúrbios do sono.

Leia: 9 receitas com kiwi para provar e se apaixonar pela fruta

7 – Maracujá
maracujá
Maracujá

O maracujá tem propriedades calmantes, que atuam diretamente no sistema nervoso central, produzindo efeito analgésico e relaxante muscular.

Leia: aprenda a usar o maracujá para dormir melhor e relaxar

Bettina Del Pino ainda lembra que alguns alimentos devem ser cortados durante a noite, pois deixam o corpo em alerta ou são de difícil digestão. “Deve-se evitar bebidas com cafeína, como chá preto, chá mate, chá verde, café e energético, alimentos gordurosos, frituras, refrigerante e bebidas alcoólicas”, orienta a profissional.

“Uma alimentação saudável e balanceada é forte aliada no combate à insônia, mas é aconselhável que as pessoas procurem acompanhamento médico”, conclui a nutricionista.

Sobre a especialista

Bettina Del Pino é nutricionista da Dietbox, empresa responsável por um software on-line de nutrição. Em 2019, a companhia deu início ao seu processo de internacionalização e personalizou a tecnologia para o mercado chileno.

Para saber mais, siga o perfil da coluna no Instagram.

Mais lidas
Últimas notícias