Rolou na 6ª: Bolsonaro na BR-163 e informalidade x desemprego

Agora ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni disse que a fala do ministro Paulo Guedes sobre domésticas e o valor do dólar foi "infeliz"

Palácio do Planalto/DivulgaçãoPalácio do Planalto/Divulgação

atualizado 14/02/2020 22:23

Nesta sexta-feira (14/02/2020), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) participou, no Pará, de um evento para inaugurar a pavimentação dos últimos 51 km da BR-163, antiga demanda do agronegócio.

Na ocasião, ele assegurou que não está preocupado com reeleição, queixou-se de que sua família é “atacada o tempo todo” e criticou o fundão eleitoral de R$ 2 bilhões – aprovado pelo Congresso e sancionado por ele mesmo.

Confira:

Também nesta sexta, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelou: apesar de o país ter registrado queda na taxa média de desempregados, a informalidade cresceu em 20 unidades federativas no ano passado. Exceções ocorreram no Acre, Maranhão, Ceará, Espírito Santo, Paraná e Rio Grande do Sul.

Na média nacional, a taxa de informalidade média dos brasileiros pulou de 39% em 2016 para 41,1% no ano passado.

Leia:

Também foi notícia:

Últimas notícias