Caos no ES: sete são presos após ataques criminosos em avenidas

Segundo relatos, homens armados chegaram atirando, soltando fogos de artifício e depredando carros

Reprodução

atualizado 14/02/2020 19:42

A polícia prendeu sete suspeitos de ligação com os ataques em avenidas de Vitória (ES) nesta sexta-feira (14/02/2020). A corporação investiga a conexão dos episódios com a morte de um jovem de 17 anos no Bairro da Penha, região de intenso domínio do tráfico de drogas e que está ocupada pela Polícia Militar.

De acordo com o secretário estadual de Segurança Pública, Roberto Sá, houve confronto no início da manhã desta sexta, mas não foi registrada morte no local. Após os ataques, os policiais ficaram sabendo da morte do jovem.

O secretário também informou que o efetivo da PM nas ruas de Vitória aumentou nesta sexta, com a convocação de militares que normalmente fazem serviços administrativos para irem às ruas. Entretanto, a informação sobre o quantitativo não foi divulgada por ser estratégica, segundo a Secretaria de Segurança Pública (Sesp).

Tiroteio
Mais cedo, criminosos armados chegaram atirando, soltando fogos de artifício e depredando carros em avenidas da cidade. O tiroteio gerou desespero nos lojistas, em pedestres e motoristas que passavam pelos locais.

O grupo quebrou carros, apedrejou ônibus, atacou comércios e levou pânico a moradores e comerciantes. Ainda não há balanço sobre os prejuízos e eventuais pessoas feridas na ação.

Outros ataques ocorreram na capital capixaba. Dois ônibus foram incendiados na Avenida Maruípe — próximo ao quartel da Polícia Militar — e na Rodovia Serafim Derenzi, na região da Grande São Pedro, zona norte da cidade.

Além de viaturas da Polícia Militar nas áreas alvo de ataques, pelo menos dois helicópteros da corporação são usados na operação.

Pelo Twitter, o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, comentou sobre o caso. “Bandidos reagem à ocupação da PM nos bairros, mas a polícia atuará com mais força ainda. Essa será a nossa resposta.”  (Com informações da Agência Estado)

Últimas notícias