Garantir que as crianças tenham uma alimentação saudável não é tarefa fácil. O paladar delas ainda está em construção, o que, por vezes, faz com que sejam bastante restritivas. Nessas horas, cativar pelos olhos pode ser uma boa saída. Bem como, misturar sabores para que, aos poucos, novos alimentos sejam introduzidos. Separamos aqui algumas dicas para melhorar a qualidade e a variedade da alimentação dos seus filhos.

Alimentos in natura
Prefira sempre os alimentos em sua forma natural. Ou seja, frutas, legumes e vegetais crus, assados ou cozidos. Na hora de usar um molho de tomate, por exemplo, prepare um caseiro. Fica uma delícia e você ainda pode incluir outros legumes misturados no preparo. É muito importante evitar produtos industrializados.

Tempero para salada
O consumo frequente de saladas é importante para melhorar o funcionamento do organismo das crianças. Mas, se às vezes não é fácil nem para os adultos, imagine para os pequenos. A dica é incrementar a apresentação com granola salgada. Basta torrar levemente na frigideira semente de abóbora e gergelim, temperados com sal e orégano. Isso por cima do prato de salada dá outro gosto.

Arroz colorido
Esse alimento é uma importante fonte de carboidrato. Por isso, incluí-lo na alimentação das crianças é recomendado. Para turbinar a preparação, a sugestão é picar abobrinha e cenoura e acrescentar ervas e ovo mexido. Assim, você aumenta o valor nutricional com um único prato.

(Com informações do Ministério da Saúde)