Este é um espaço para celebrar a vida e as pessoas. Viaje comigo nesta aventura!

Harry e Meghan “podem ser rebaixados” no Jubileu de Platina da rainha

Os duques de Sussex correm o risco de ser excluídos de momentos tradicionais durante a comemoração pelos 70 anos de reinado de Elizabeth II

atualizado 12/07/2021 17:39

Príncipe Harry e Meghan MarkleMax Mumby/Indigo/Getty Images

Conforme publicado pelo jornal Mail on Sunday, Harry e Meghan Markle foram convidados para o Jubileu de Platina da rainha. A festa ocorrerá em junho de 2022, em comemoração aos 70 anos de reinado de Elizabeth II. No Trooping the Colour — como é chamada a cerimônia, os integrantes da Coroa britânica passam pelas avenidas de Londres nas tradicionais carruagens reais.

Caso aceitem o pedido, os duques de Sussex deverão seguir o trajeto em uma carruagem mais simples por não integrarem mais a realeza britânica.

Vale lembrar que Harry e Meghan abdicaram dos cargos no alto escalão na família real no início de 2020 e, atualmente, moram nos Estados Unidos com os filhos, Archie e Lilibet Diana.

Nos rituais do Trooping the Colour, os integrantes da dinastia Windsor costumam andar de carruagem antes de ir para a varanda do Palácio de Buckingham, onde veem a apresentação de militares e acenam aos súditos. Em 2019, os duques de Sussex tiveram a companhia de Kate Middleton e Camilla Parker no traslado.

Especialistas de questões da realeza sustentam a tese de que o casal deverá usar uma carruagem diferente por não integrar mais a Coroa britânica. Na avaliação da autora Marlene Koenig, os duques de Sussex “podem ser rebaixados” em alguns protocolos da comemoração.

“Eles estarão lá? Espero que sim. Não acredito que estejam na carruagem do jeito que estavam há dois anos, pois eles não são mais membros da realeza sênior”, justificou a expert em entrevista ao Daily Star.

Meghan Markle, príncipe Harry e Kate Middleton
Meghan, Harry e Kate Middleton na carruagem real em 2019

Cerimônia “diferente”

Ao que tudo indica, Meghan e Harry estarão presentes no Jubileu de Platina “em apoio” à rainha por ser uma ocasião histórica. Elizabeth ascendeu ao trono britânico após a morte do pai, o rei George VI, em 1952. Segundo Koenig, a cerimônia em comemoração aos 70 anos de reinado da monarca “será bastante diferente” se o casal comparecer.

A comentarista real Daniela Elser avalia a presença dos duques de Sussex na solenidade como um “pesadelo” para a soberana.

Em um artigo a um portal australiano, Elser escreveu: “Como os Sussex, especialmente a duquesa, pode reaparecer no meio da família real sem a presença dela apagar totalmente a celebração [da rainha]”.

Será a primeira vez que Harry e Meghan ficarão frente a frente com todos os membros da família real desde a entrevista bombástica concedida pelo casal à apresentadora Oprah Winfrey, em março. No bate-papo, a dupla fez declarações bombásticas, como acusou um integrante da realeza de racismo.

Príncipe Harry, Meghan Markle e Oprah Winfrey
Entrevista de Harry e Meghan à Oprah Winfrey, em abril

No ponto de vista de Elser, os assessores reais terão a missão quase impossível de fazer Meghan passar despercebida sem ofuscar a homenageada, a rainha Elizabeth II.

“Assim, o cenário está montado para um pesadelo de relações públicas e logística de proporções incomparáveis para o palácio de Buckingham”, ressaltou a expert. Ela acrescentou ao raciocínio: “Há uma grande chance de que os profissionais simplesmente não consigam”.

Em uma entrevista ao jornal Daily Star, Marlene Koenig fez a seguinte sugestão: “Seria um bom momento para eles [Meghan e Harry] trazerem os filhos, segurá-los na varanda para as pessoas verem. Gostaríamos de ter esse tipo de iniciativa”.

Caso os duques de Sussex escutem a súplica da especialista, será a primeira vez que os irmãos, Archie e Lilibet Diana, estarão juntos no Reino Unido e ao lado dos parentes, como os primos George, Charlotte e Louis.

Koenig acredita que os dois filhos mais velhos do príncipe William e Kate Middleton passarão entre os súditos no desfile oficial de aniversário da rainha: “Realmente acho que a essa altura, Charlotte e George estarão nas carruagens. Essa é a minha previsão”. As festividades do Trooping the Colour irão do dia 2 a 5 de junho.

O Daily Mail caracterizou o convite da rainha a Harry e Meghan Markle como a ação de “estender um ramo de oliveira” em prol da paz.

0

Mais restrição

As celebrações do jubileu da rainha têm como momento destaque a família real toda reunida na varanda do Palácio de Buckingham. Meghan e Harry podem ser excluídos da ocasião se os assessores resolverem limitar o número de participantes apenas aos membros seniores da Coroa britânica.

O grupo inclui somente Elizabeth II; príncipe Charles e a mulher, Camilla Parker; William e Kate Middleton com os três filhos.

Não é a primeira vez que há cortes na solenidade. Filhos e netos da rainha não ficaram na varanda durante o Jubileu de Diamante da monarca, em 2012.

“O momento da sacada será decidido muito mais perto da hora, mas há um limite para quantos membros da família devem estar nele. Imagino que trabalhadores da realeza que contribuem para a Coroa estariam no topo da lista do que os Sussex”, revelou uma fonte com conhecimento dos planos do Trooping the Colour 2022.

Príncipe Harry, Meghan Markle e rainha Elizabeth
A rainha convidou o neto, o príncipe Harry, para o Jubileu de Platina. A festa será em junho de 2022
Rainha Elizabeth II
Elizabeth comanda a monarquia britânica desde 1952
Meghan Markle, príncipe Harry e rainha Elizabeth II
A relação da rainha com o casal não está mil maravilhas

Para saber mais, siga o perfil da coluna no Instagram.

Mais lidas
Últimas notícias