Tailândia realiza testes de candidata à vacina contra Covid-19 em macacos

Desenvolvida pela Universidade Chulalongkorn, de Bangcoc, a vacina apresentou resultados satisfatórios nos animais

atualizado 23/06/2020 12:55

FOTO ILUSTRATIVA

Cientistas da Universidade Chulalongkorn de Bangcoc, na Tailândia, começaram nessa segunda-feira (22/06) a aplicar a segunda dose de uma potencial vacina contra o coronavírus em macacos. Caso os resultados sejam satisfatórios, o esperado é que os testes em humanos sejam feitos em outubro.

A fase de testes em macacos foi dividida em três etapas, com uma dose da vacina a cada mês. Os ensaios começaram em 23 de maio. Os 13 animais selecionados para o estudo foram divididos em três grupos: os que receberiam a dosagem mais alta da imunização; os da dosagem baixa; e os de grupo de controle, sem a administração da vacina.

Os resultados da primeira etapa foram animadores para os pesquisadores tailandeses, exceto para um animal no grupo de doses altas e três do grupo de doses baixas. Ainda assim, Kiat Ruxrungtham, diretor do Centro de Excelência em Pesquisa e Desenvolvimento de Vacinas da Universidade Chulalongkorn, classificou o feito como “muito impressionante”. (Com informações do Bangkok Post)

Últimas notícias