Harvard indica: uma porção de castanhas por dia ajuda a manter o peso

Pesquisadores descobriram que adotar 14 gramas de oleaginosas como lanche diário é uma saída para evitar ganho de peso em longo prazo

Unsplash/DivulgaçãoUnsplash/Divulgação

atualizado 24/09/2019 19:38

Uma boa notícia para quem não esquece de levar uma porção de castanhas para o lanche da tarde. Pesquisadores de Harvard acompanharam quase 300 mil pessoas por 20 anos e descobriram que uma pequena porção delas diariamente foi eficiente para evitar o ganho de peso em longo prazo. Os resultados foram publicados no BMJ Nutrition, Prevention and Health.

Os cientistas dividiram os participantes em três grupos: um com 51 mil homens com idades entre 40 e 75 anos e outros dois com cerca de 120 mil enfermeiras com idades entre 24 e 55 anos.

De quatro em quatro anos, os participantes deveriam declarar o próprio peso e a frequência com a qual costumavam ingerir castanhas. Quem trocava outros tipos de lanche por uma pequena porção de oleaginosas (14 gramas) deixou de ganhar de 410 a 700 gramas nos quatro anos seguintes.

Entre os que não consumiam castanhas mas passaram a incorporar uma pequenas porção delas entre as refeições durante o período da pesquisa, a “economia” foi de 740 gramas.

A análise dos dados indica que ingerir uma porção de 14 gramas por dia (de qualquer tipo: castanha de caju, pistache, noz e amêndoa) estava ligada a um risco 23% menor de desenvolver obesidade. Os consumidores da noz clássica apresentaram 15% menos chance de tornarem-se obesos nos quatro anos seguintes.

Os resultados foram os mesmos quando os pesquisadores levaram em conta o estilo de vida dos participantes, como dieta, exercícios e ingestão de álcool.

Embora não saibam exatamente como funciona o mecanismo que faz com que uma pessoa deixe de ganhar peso ao consumir castanhas, os pesquisadores acreditam que elas são eficientes aliadas  para evitar lanchinhos mais calóricos, como uma barra de chocolate. O alto teor de fibras do alimento também ajudaria a manter a sensação de saciedade por mais tempo.
(Com informações do Daily Mail)

Últimas notícias