Mulher de policial que matou George Floyd pede divórcio

Por meio de nota enviada à imprensa, a ex-esposa de Derek Chauvin também mandou um recado para a família da vítima

atualizado 31/05/2020 21:32

Kellie ChauvinMontagem

A esposa de Derek Chauvin — policial preso pelo homicídio de George Floyd — entrou com pedido de divórcio, conforme divulgou o jornal Dailymail.

Segundo os advogados de Kellie Chauvin, a mulher está muito abalada com a atitude do marido, e, por esse motivo, quer dissolver o casamento o quanto antes. “A máxima solidariedade à família dele, seus entes queridos e a todos que estão em luto”, disse em nota a mulher que já carregou o título de Mrs. Minnesota.

Derek Chauvin está preso desde a última sexta-feira (29/05), na cidade de Minneapolis, Estados Unidos. A notícia foi divulgada por John Harrington, comissário do Departamento de Segurança Pública de Minnesota.

Desde que o vídeo do ex-policial aparece ajoelhado no pescoço de George Floyd até que o homem morresse por asfixia,  a população realizou protestos, que resultaram em incêndios, depredação de patrimônio público e saques de lojasUma equipe de reportagem da CNN foi presa por policiais.

Últimas notícias