Comida africana e “manteiga de tudo” são tendências fit para 2020

Analistas de uma rede americana de mercados saudáveis apontam que o ano que se inicia terá a crise ambiental como principal preocupação

Sheri Silver/Unsplash

atualizado 06/01/2020 16:45

A preocupação com a crise ambiental, a busca por insumos veganos mais saborosos e escolhas saudáveis para a alimentação infantil estão entre as tendências gastronômicas fit previstas para 2020 pela rede americana de supermercados Whole Foods. Os especialistas da empresa se reuniram para definir quais serão as principais escolhas dos consumidores neste ano.

O primeiro ponto levantado pela equipe é justamente a sustentabilidade: segundo eles, o consumidor estará cada vez mais consciente e interessado na causa ambiental. “Fazendeiros, produtores, acadêmicos, agências governamentais e revendedores estão olhando com mais atenção para práticas de manejo da terra e dos animais para melhorar a saúde do solo e o sequestro de carbono”, diz o relatório, que aponta que algumas marcas já trabalham com a chamada “agricultura regenerativa”.

O estudo ainda aponta o uso de ingredientes inusitados para copiar alimentos tradicionais, como as farinhas de couve-flor ou de coco, além de manteigas de insumos como semente de melancia e macadâmia e xaropes elaborados a partir de frutas como a romã. Outra tendência interessante é a melhora da alimentação infantil. “Até 2026, 80% dos millenials terão filhos, e muitos pais estão apresentando às crianças comidas mais aventureiras – com ótimos resultados”, diz o texto.

Veja as 10 tendências fit apontadas pelo estudo:

0

Últimas notícias