*
 

A candidata do Pros ao Governo do Distrito Federal, Eliana Pedrosa, disse nesta terça-feira (18) não se preocupar sobre qual concorrente poderá enfrentar em um possível segundo turno, caso passe para a próxima fase. “Quem entra numa disputa tem que estar preparado para qualquer adversário, não dá pra escolher”, afirmou.

Pesquisa Ibope encomendada pela TV Globo e divulgada na segunda-feira (17/9) consolidou Eliana na liderança da corrida ao Palácio do Buriti. Ela figura com 22% da preferência do eleitorado, à frente de Alberto Fraga (DEM), que tem 14%. Na sequência, Rodrigo Rollemberg (PSB) figura com 11% e Rogério Rosso, com 10%.

A buritizável fez campanha eleitoral nesta manhã no Setor Habitacional Primavera, uma extensão da QSC 19 de Taguatinga Sul que ainda não foi regularizada. Ela estava acompanhada do candidato a deputado federal Zé Edmar (PMN). Cabos eleitorais e postulantes à Câmara Legislativa também marcaram presença no local.

Segundo Eliana, é preciso aguardar a votação do Plano Diretor de Ordenamento Territorial (PDOT) na Câmara Legislativa para definir os passos para a regularização do setor. “Assim, ficará mais fácil”, pontuou. Ainda não há previsão de quando a matéria será aprovada.

Chapa
Na caminhada, a postulante também comentou o indeferimento dos registros de 31 candidaturas do PTB, partido do vice da chapa, Alírio Neto. “A gente ainda espera que essa decisão seja revogada na segunda instância [da Justiça]. Não adianta sofrermos antes do tempo.”

Na segunda-feira (17), o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-DF) decidiu rejeitar os registros, uma vez que o partido não teria comprovado a filiação dos candidatos dentro do prazo legal. A direção do PTB afirmou ter ocorrido um problema técnico no sistema e anunciou que recorrerá ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).