Este é um espaço para celebrar a vida e as pessoas. Viaje comigo nesta aventura!

Livro sobre Harry e Meghan revela conta secreta do príncipe no Instagram

Após o primeiro "date" com o príncipe, Meghan seguiu o perfil batizado com o nome SpikeyMau5. A curiosidade aparece na biografia do casal

atualizado 28/07/2020 19:58

Príncipe Harry Hannah McKay - WPA Pool/ Gettyimages

Imagine conhecer um príncipe de verdade. Qual seria o próximo passo dado após o primeiro encontro? Para algumas pessoas, seguir o perfil do crush no Instagram estaria entre as alternativas. Foi o que Meghan Markle fez antes de começar a namorar o caçula de Lady Di, o príncipe Harry. Segundo informações do livro Finding Freedom (Encontrando a Liberdade, em tradução do inglês), a então atriz de Hollywood clicou no botão follow de uma conta misteriosa com o user SpikeyMau5, pertencente ao membro da família real.

Escrita pelos autores especializados em realeza Omid Scobie e Carolyn Durand, a biografia faz revelações e traz curiosidades sobre o romance entre o príncipe Harry e Meghan. Entre as dezenas de páginas, há uma parte dedicada ao perfil secreto do irmão de William. A conta não tinha uma foto de descrição de Harry, e sim de um capacete em formato de rato.

Em relação à identidade adotada pelo príncipe Harry no Instagram, os escritores explicaram porque a alcunha SpikeyMau5. O segundo nome faz referência à preferência musical do neto da rainha Elizabeth, a house music. Ele usou parte da alcunha artística de um de seus DJs favoritos, o canadense DeadMau5 (lê-se Dead Mouse).

Príncipe Harry e Meghan Markle
Após o primeiro date, Meghan começou a seguir a conta misteriosa do príncipe

Já o Spikey deriva de um nome que Harry utilizava no Facebook, o Spike Wells. “Spike era um apelido usado por Harry em seus escritórios de proteção da Scotland Yard”, escreveram Omid e Carolyn no livro. Encerrada, a conta do príncipe na rede pioneira de Mark Zuckerberg trazia como foto de perfil três homens de chapéu panamá, registrados de costas em uma suíte do hotel-cassino MGM Grand, em Las Vegas.

Na apresentação do perfil, Spike Wells estava localizada em Maun, no Botsuana. Os autores viram como um aceno do amor do príncipe Harry pelo continente africano. Na foto anterior da conta, ele optou por usar uma imagem do rei Julien, o lêmure do filme Madagascar.

Na época, a então intérprete de Rachel Zane na série Suits, Meghan Markle, mantinha uma conta pública no Instagram. Para coletar tantas informações sobre o romance com o príncipe Harry, os escritores seguiram algumas pistas deixadas pela ex-atriz hollywoodiana. Após o primeiro date, a norte-americana compartilhou um clique de um doce em formato de coração em que aparecia o texto “Kiss me”. Na legenda da postagem, ela colocou: “Lovehearts in #London”.

Meghan Markle e príncipe Harry
Eles se casaram em maior de 2018

Apesar de fazer uma abordagem íntima do casal no livro, os pais de Archie, de 1 ano, já chegaram a afirmar que não colaboraram com a elaboração de Finding Freedom. Por sua vez, Meghan e Harry também não refutaram os conteúdos escritos a seu respeito.

“O duque e a duquesa de Sussex não foram entrevistados e não contribuíram com Finding Freedom. Esse livro é baseado nas próprias experiências dos autores como membros do corpo de imprensa real e em seus próprios relatórios independentes”, disse um porta-voz dos autores à agência de notícias Associated Press. Com o lançamento previsto para 11 de agosto, a obra de Omid Scobie e Carolyn Durand continua dando o que falar e abalando as estruturas reais.

 

Para saber mais, siga o perfil da coluna no Instagram.

Mais lidas
Últimas notícias