Este é um espaço para celebrar a vida e as pessoas. Viaje comigo nesta aventura!

Brigado com a filha, pai de Adele morre após luta contra o câncer

Pai e filha tinham um relacionamento turbulento. Mark Evans morreu vítima de câncer no intestino. Ele lutava contra a doença desde 2013

atualizado 11/05/2021 13:17

Adele e Mark Evans@adelebeautifulqueen/Reprodução/Instagram

Pai de Adele, Mark Evans morreu nesta terça-feira (11/5), aos 57 anos. Ele lutava contra um câncer no intestino desde 2013 e não resistiu às complicações da doença. Antes de falecer, o encanador e motorista desejava se reconciliar com a filha. Os dois tinham um relacionamento turbulento e distante, pois a cantora e sua mãe, Penny Adkins, foram abandonadas por Mark. À época, a artista estava com 3 anos.

O jornal The Sun conversou com fontes próximas aos familiares do motorista. “É claro que a família de Mark está muito chateada com a morte dele. Ele sempre esperava que a situação se acertasse com Adele, mas permaneceu amarga até o fim”, contou uma pessoa que não se identificou. De acordo com o informante, o sonho de Mark era conhecer o neto, Angelo, de 8 anos. O menino é fruto do casamento da artista com o ex-marido, Simon Konecki.

0

O pai de Adele tentou se reaproximar da filha, porém sem sucesso. Ele chegou a alegar que havia reacendido o vínculo com a cantora durante a turnê Adele Live, em 2011. A série de shows divulgou o segundo álbum de estúdio da artista, batizado de 21. Dias depois, a artista negou ter feito as pazes com Mark. Segundo o The Sun, o relacionamento da dupla se desgastou à medida que o estrelato internacional de Adele crescia.

Dona dos hits Hello, Rolling in the Deep e Someone like you, Adele cortou de vez os laços com o pai após mais um falso episódio de reconciliação. Quando a cantora lançou o terceiro álbum, intitulado 25, Mark Evans voltou a dizer que os dois tinham resolvido os conflitos. Ele definiu a rivalidade como “mal-entendido”. Em 2017, a artista aproveitou o espaço no Grammy Awards para refutar a afirmação de que tudo estava bem entre a dupla.

Adele com o pai Mark Evans
A cantora bebê no colo do pai

“Obrigada ao meu empresário porque o retorno, por assim dizer, foi totalmente planejado por ele. Você executou tudo de forma incrível, eu devo tudo a você. Estamos juntos há 10 anos e eu te amo como se fosse meu pai. Eu te amo tanto. Eu não amo meu pai, é isso. Isso não significa muito. Eu te amo como amaria meu pai”, discursou Adele no Grammy Awards.

Já fontes ligadas à personalidade dos palcos afirmaram que ela deve estar bastante chateada com a notícia da morte. Em entrevistas, ela chegou a dizer diversas vezes: “Eu não o odeio. Ele é meu pai”. Em 2011, Mark Evans conversou com o The Sun e revelou os motivos de ter abandonado a ex-mulher, Penny Adkins, e a filha. Ele resolveu deixá-las por conta do vício em bebidas alcoólicas.

Mark Evans
Mark Evans morreu aos 57 anos

“Eu era um pai péssimo em uma época em que ela realmente precisava de mim. Eu tomava dois litros de vodca e sete ou oito litros de Stella todos os dias. Bebi assim por três anos. Só Deus sabe como sobrevivi”, disse. Ao olhar para si, Mark sentiu-se constrangido. Ele optou por deixar a família em Londres e voltar para a terra natal, o País de Gales. “Estava profundamente envergonhado do que tinha me tornado. Sabia que a coisa mais gentil que poderia fazer por Adele era garantir que nunca me visse naquele estado”, completou.

Em 2012, Mark concedeu entrevista ao Daily Mail e confessou sofrer muito arrependimento de não ter sido um pai melhor para Adele. “Eu a decepcionei muito e gostaria de poder voltar no tempo e fazer as coisas de maneira diferente”, afirmou. De acordo com um site de fãs da cantora, o motorista e encanador tinha medo de morrer antes de voltar a se relacionar com a filha. Pai de Mark, John Evans também foi vítima de câncer no intestino.

Adele
Adele premiadíssima no Grammy Awards em 2017
Adele
Show da cantora em Sidney, na Austrália, em 2017
@adele/Reprodução/Instagram
A artista ficou famosa pela música Rolling in the Deep

Para saber mais, siga o perfil da coluna no Instagram.

Últimas notícias