Manifestantes se reúnem em Brasília e pedem impeachment de Bolsonaro

O fim de semana foi marcado por protestos contra o presidente da República em diferentes cidades do país

atualizado 24/01/2021 20:53

Gustavo Moreno/Especial para o Metrópoles

Com bandeiras e faixas, um grupo de manifestantes se reuniu na Praça do Três Poderes, no centro de Brasília, na tarde deste domingo (24/1), para pedir o impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Intitulado como Grande Ato pelo #Impeachmentjá, o movimento critica a forma como o chefe do Executivo tem conduzido as ações de enfrentamento ao novo coronavírus.

O protesto teve início às 17h. Cerca de 200 pessoas estiveram no local. Entre elas, a deputada federal Erika Kokay (PT-DF). “Nós estamos na rua porque estamos defendendo a vida. Não podemos encarar com naturalidade as mais de 216 mil mortes em decorrência da Covid-19 no país”, disse a parlamentar.

De acordo com a Polícia Militar, a via S1 a partir do Itamaraty até o Quartel do Corpo de Bombeiros na L4 foi fechada, o que motivou reclamação de pessoas que participaram do evento.

“Foi montado um aparato para as pessoas não chegarem perto da Praça dos Três Poderes. Acho isso um absurdo”, reclamou o produtor cultural Sandro Biondo. “Considero um cerceamento da livre circulação, acrescentou.

0

Procurado pelo Metrópoles, o Palácio do Planalto informou, por e-mail, que não iria comentar as manifestações.

Movimentos sociais e estudantis e partidos políticos convocaram o protesto. A organização pediu aos participantes que usassem máscara e mantivessem distância uns dos outros – medidas tomadas para evitar a disseminação do coronavírus. “O Brasil precisa respirar”, diz o convite divulgado nas redes sociais.

O fim de semana foi marcado por protestos contra o presidente em diferentes cidades do o país. Em São Paulo, por exemplo, pelo segundo dia seguido, motoristas foram às ruas protestar contra o governo.

O grupo pedia o impeachment do mandatário e a demissão do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, pela condução de políticas públicas na pandemia do novo coronavírus.

No sábado (23/1), manifestantes fizeram uma carreata no Eixo Monumental. Uma das reivindicações do grupo foi a vacinação contra a Covid-19 para toda a população.

Últimas notícias