“Gabriel Diniz queria divulgar o amor”, diz pai em missa de sétimo dia

Cerimônia religiosa aconteceu em João Pessoa (PB). Artista morreu em queda de avião monomotor

atualizado 02/06/2019 19:19

A missa de sétimo dia do cantor Gabriel Diniz aconteceu neste domingo (02/06/2019), na Catedral Basílica de Nossa Senhora das Neves, na Paraíba (PB). O pai do músico, Francisco Cizinato Diniz, disse que o filho tinha um objetivo maior do que a música, que era o de divulgar o amor.

“Eu tenho certeza que ele usou como ferramenta a música, mas o grande objetivo não era a música, mas divulgar o amor, a forma de amor, de fazer rir. Não falo isso porque é um momento simbólico, mas é porque eu tive entendimento “, afirmou ao F5, site da Folha de S. Paulo. 

O pai, a mãe, a irmã e a noiva do artista, Karoline Calheiros, estavam abalados durante a cerimônia. Francisco disse que, agora, o músico está entregue a Deus.

Acidente
O cantor Gabriel Diniz, que estourou no Carnaval deste ano com o hit Jennifer, morreu na queda de um monomotor no dia 27 de maio. A aeronave caiu no povoado do Mato, em Estância (SE). O acidente matou também Linaldo Xavier e Abraão Farias, diretores do Aeroclube de Alagoas.

O cantor realizou, no fim de semana anterior ao acidente, show na cidade de Feira de Santana, na Bahia. Ele pegoo o voo para Maceió (AL), onde comemoraria o aniversário da namorada. O avião não tinha licença para operar como táxi aéreo.

Por meio de nota, a empresa Luan Promoções, que gerenciava a carreira do artista, comentou a morte.

“Sua alegria estará para sempre em nossos corações! Não deixaremos perder a sua irreverência jamais, você conquistou uma nação com o seu trabalho e carisma! Estendemos nossos sentimentos também aos familiares dos outros tripulantes envolvidos”, diz o texto.

0

 

 

Últimas notícias