Vai viajar? Veja 15 leis bizarras no mundo que podem te levar para a prisão

Quem vai conhecer outros países precisa ficar atento à legislação local se não quiser ter problemas com a Justiça

atualizado 05/01/2021 15:49

Getty images

Cada país tem suas leis, e por mais bizarras que possam parecer, devem ser respeitadas —até mesmo pelos turistas. Do contrário, você pode parar na cadeia. Muitos hábitos e costumes perfeitamente aceitáveis no Brasil podem ser considerados ilegais em outras endereços ao redor do mundo, sujeitos à multa ou prisão.

Se você gosta de viajar para o exterior, fique atento às regras locais e evite problemas. A diferença entre um viajante e um criminoso pode ser menor do que você imaginava.

Confira algumas leis bem esquisitas e fique ligado:

1. Tomar bebida alcóolica

Beber socialmente não é visto com maus olhos para a maioria das pessoas, mas em alguns países muçulmanos isso pode ser um crime grave! Irã e Arábia Saudita, por exemplo, baniram qualquer tipo de bebida alcóolica em seus territórios. Levar na mala, consumir ou produzir em casa resulta em punições severas. Até mesmo países mais turísticos, como as Maldivas, restringem o consumo de álcool, embora hotéis e resorts façam vista grossa e até sirvam bebidas aos turistas.

Acredite, há restrições até em países como os Estados Unidos. Beber em público é ilegal na maior parte dos estados americanos. Você já deve ter visto nos filmes alguém bebendo com a garrafa dentro de um saco de papelão, certo? Pois é, adivinhe só: não é Coca-Cola.

A Tailândia, país famoso pelas festas animadas na praia regadas à álcool, também possui regras bem restritivas. Bebidas alcóolicas só podem ser compradas e consumidas entre meia-noite e 11h, e das 14h às 17h. Em alguns feriados religiosos, a proibição pode durar o dia todo.

2. Conectar-se à Wi-Fi do vizinho

Atire a primeira pedra quem nunca “roubou” sinal da rede Wi-Fi de alguém, mesmo que tenha sido rapidinho, apenas numa situação de emergência. Acontece, né? Boa sorte tentando explicar isso para um policial em Singapura. No pequeno país do Sudeste Asiático, usar a rede Wi-Fi de outra pessoa sem autorização é crime, sujeito à multa de US$ 10 mil ou três anos de cadeia!

Continue lendo no site Melhores Destinos, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias