5 hábitos que você deve abandonar agora se realmente quiser emagrecer

Objetivo exige compromisso e atenção a algumas atitudes

atualizado 28/05/2021 14:32

Unplash

Nunca é tarde para recomeçar aquele objetivo de melhora na saúde, na performance e no shape. Porém, mais desafiador do que emagrecer é manter o peso perdido. Isso acontece porque, motivados para “secar”, muitos alcançam resultados rápidos, mas com atitudes que não são sustentáveis a longo prazo. Assim que essa empolgação inicial se vai, o peso volta.

Abaixo, listo os erros mais comuns cometidos nesse setindo e que fazem com que o processo não seja duradouro.

Confira!

1. Cortar carboidrato da dieta
Esse é considerado um dos erros universais na prática dietética atual. Há quem acabe generalizando e excluindo todo tipo de carboidrato da dieta. No entanto, esquecem-se de que existem carboidratos ricos em fibras e nutrientes fundamentais para o emagrecimento. Sem contar que, para realizar a síntese muscular, o organismo precisa desse macronutriente.

2. Ficar beliscando o tempo todo 
Depois que foi alcançado o emagrecimento, é necessário manter o gasto calórico otimizado para não voltar a ganhar peso. Uma falha que prejudica a consolidação do peso perdido é o ato de beliscar. Isso porque essas calorias vão passando discretamente e de forma inofensiva. O susto vem depois, pois podem gerar um significativo aumento no saldo calórico.

3. Não dormir direito
Durante o sono, há a regulação de hormônios fundamentais na saúde humana, além daqueles que influenciam no apetite, como a grelina e a leptina. Quando dormimos mal, ocorre, ainda, aumento do cortisol, considerado o hormônio “do estresse”. Nesse contexto, o indivíduo sente-se mais cansado no dia seguinte e com apetite desregulado, propiciando a busca por alimentos mais calóricos sem haver, de fato, uma saciedade.

4. Regimes restritivos
Além de estressante, um protocolo alimentar que priva o indivíduo de ter contato com alimentos que ele goste pode elevar ainda mais o desejo e a compulsão. Estar em contato com ingredientes e receitas que curte, mas de forma equilibrada, pode auxiliar também no emagrecimento. Com um planejamento alimentar ajustado às necessidades da pessoa, o consumo de forma consciente vira um hábito duradouro.

5. Pouca ingestão de água
Um hábito que deveria ser trivial e que ainda é um desafio para muitos. Mais que promover a hidratação, beber água contribui na perda de peso. Isso porque até para queimar gordura o organismo precisa desse líquido. Sem contar a síntese muscular, outra questão extremamente importante.

(*) Thaiz Brito é nutricionista pós-graduanda em Nutrição Esportiva Clínica

Últimas notícias