Saiba como evitar estrias e manchas de pele na gravidez

Apesar de serem comuns durante a gestação, aprenda como evitá-las e tratá-las

atualizado 05/08/2021 15:00

mulher rosto pele mãosPexels

As modificações hormonais da gestação também atuam na pele da mulher. Em alta, o hormônio melanotrófico, responsável pela pigmentação, costuma provocar manchas acastanhadas no rosto e no pescoço, que são chamados de melasmas ou cloasmas. Nas mulheres de pele morena bem escura ou negra, a coloração é mais clara do que o tom natural.

Mesmo quem usa protetor com filtro solar diariamente não está livre do problema. O jeito é redobrar os cuidados e adotar cremes faciais com vitaminas C ou D. O uso desses cosméticos, no entanto, precisa ser autorizado pelo obstetra, já que alguns contêm substâncias nocivas para as grávidas.

Ainda que seja comum as manchas aparecerem, não há com o que se preocupar. A boa notícia é que algumas manchas no rosto desaparecem meses depois do parto. Mas é preciso se atentar. Caso as mudanças na pigmentação causem dor ou vermelhidão, ou você perceba alguma transformação no tamanho, cor ou formar de uma pinta, avise o médico imediatamente. Esses são sintomas que podem indicar outros problema, além da questão hormonal.

Confira as dicas completas no portal BabyHome, parceiro do Metrópoles

Últimas notícias