*

Durante muitas décadas um dos maiores desejos das mulheres foi encontrar a cura para a indesejada celulite. Hoje, com a maior aceitação dos diferentes tipos de corpos e o empoderamento feminino, as marquinhas que lembram casca de laranja começam a ser vistas com mais naturalidade, mas ainda despertam cuidados.

De acordo com a médica estética Giselle Mello, as causas do surgimento da celulite se dividem entre fatores hereditários e agravantes como hábitos alimentares inadequados, sedentarismo, medicamentos e estresse. “As marcas estão ligadas ao hormônio estrogênio, que faz com que a mulher acumule mais gordura em relação aos homens”.

Ainda de acordo com a especialista é possível identificar o padrão através da compressão manual de regiões como glúteos, coxas, braços e barriga, observando como está o aspecto da pele, se está endurecido, doloroso com nódulos ou ondulações.

Segundo a profissional há quatro tipos de celulite, classificadas em grau:

Grau I: aspecto de “casca de laranja”. Aparece somente quando a musculatura é contraída ou se é feita uma pressão com os dedos.

Grau II: aspecto de “casca de laranja” independente da contração muscular. Além disso, apresenta diminuição da elasticidade e flacidez.

Grau III: aspecto de “casca de nozes” devido ao surgimento de nódulos celulíticos que são visíveis e palpáveis, já tendo sensibilidade dolorosa à palpação.

iStock

Grau IV: estágio mais avançado com aparecimento de micronódulos gordurosos que ficam agrupados pela desordem e fibrose. Há presença de dor, inchaço e um expressivo ondulamento da superfície da pele.

iStock

Tratamento
O método básico para combater a celulite está focado na ingestão de muita água, alimentação saudável sem açúcar, álcool e produtos processados. Ainda vale moderar o consumo de itens que incentivam a retenção de líquidos, como o café. “É preciso manter uma rotina de atividades físicas”, diz a esteticista Ágata Amaral

A médica estética Giselle reitera que é necessário aliar à essas ações, procedimentos estéticos que ativem a circulação e suavizem o acúmulo de líquido, sendo que em homens a presença da celulite grau 1 até o 3 é frequente, já nas mulheres todos os graus estão presentes.

Confira cinco tratamentos para combater a celulite na galeria abaixo: