metropoles.com

OMS atualiza recomendações sobre consumo de gorduras e carboidratos

A Organização Mundial da Saúde estabelece novas orientações à respeito do consumo de gorduras e alimentos como vegetais, frutas e fibras

atualizado

Compartilhar notícia

Juanmonino/Getty Images
Imagem aproximada de um prato de arroz e feijão carioca - Metrópoles
1 de 1 Imagem aproximada de um prato de arroz e feijão carioca - Metrópoles - Foto: Juanmonino/Getty Images

Uma dieta rica em frutas, verduras, legumes, fibras e pobre em gorduras nocivas ao organismo é uma recomendação conhecida para manter a boa saúde. Na última segunda-feira (17/7), a Organização Mundial da Saúde (OMS) atualizou, em documento publicado no site da instituição, quais devem ser as quantidades e substituições de carboidratos e gorduras.

O objetivo da revisão de estudos recentes é diminuir o número de indivíduos que desenvolve enfermidades relacionadas à obesidade, como câncer, diabetes tipo 2 e doenças cardiovasculares. As novas recomendações são válidas para a população acima de dois anos.

As diretrizes destacam que a população deve se preocupar com a quantidade, mas também com a qualidade dos alimentos consumidos diariamente. Para os adultos, é importante limitar a ingestão total de gorduras a 30% ou menos da ingestão total de energia.

A gordura consumida por todos com dois anos de idade ou mais deve ser proveniente principalmente de ácidos graxos insaturados, como os existentes em peixes, por exemplo. A gordura saturada não pode passar de mais de 10% e a trans, de 1%.

A recomendação da OMS é trocar as carnes gordurosas, laticínios e óleos, manteiga, alimentos fritos e industrializados por ácidos graxos poliinsaturados, encontrados no óleo dos peixes e ácidos graxos monoinsaturados de fontes vegetais, como o azeite de oliva.

Para substituir os produtos refinados e ricos em açúcar, que vão se transformar em gordura dentro do organismo, a orientação é optar por alimentos com fibras dietéticas naturais, como grãos integrais, vegetais, frutas e leguminosas.

0

Quantidades

Para adultos, a organização estipula 400 gramas de vegetais e frutas e 25 gramas de fibras dietéticas naturais como quantidade ideal diária. Para crianças e adolescentes, a quantidade de vegetais e frutas deve ser:

  • 2–5 anos, pelo menos 250 g por dia;
  • 6–9 anos, pelo menos 350 g por dia;
  • 10 anos ou mais, pelo menos 400 g por dia.

A quantidade de fibras:

  • 2–5 anos, pelo menos 15 g por dia;
  • 6–9 anos, pelo menos 21 g por dia;
  • 10 anos ou mais, pelo menos 25 g por dia.

As novas diretrizes de quantidade e substituição de alimentos, associadas às recomendações da OMS sobre açúcares livres, adoçantes não açucarados e sódio, sustentam o conceito de dietas saudáveis.

Receba notícias do Metrópoles no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: https://t.me/metropolesurgente.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comSaúde

Você quer ficar por dentro das notícias de saúde mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações