Lanche pós-treino: saiba como se alimentar depois dos exercícios

Escolher bem os alimentos a serem ingeridos após as atividades físicas é fundamental para conquistar os objetivos mais rápido

atualizado 11/05/2022 15:37

Na imagem colorida, uma mulher está posicionada do lado direito. Ela usa camiseta longa e está bebendo no gargalo de uma garrafa com líquido transparenteGuido Mieth/ Getty Images

Logo após treinar e até 30 minutos depois da atividade, o nosso corpo fica mais receptivo a fazer uso dos nutrientes. Por isso, a importância de se escolher muito bem os alimentos que serão ingeridos nesse período.

Chamado de janela de oportunidade por alguns nutricionistas, o tempo imediatamente após o treinamento é essencial para ajudar o corpo a se recuperar do esforço e produzir massa magra. Ao ingerir um mix de carboidratos e proteínas, logo após se exercitar, o corpo consegue repor parte dos estoques de glicogênio que foram gastos nas atividades.

Segundo a nutricionista Felicia Stoler, membro do Colégio Americano de Medicina do Esporte (ACSM), a comida é o único meio para a reposição de nutrientes. “A indústria quer que as pessoas pensem que precisam de um produto de recuperação pós-exercício. Mas quem treina para manter a forma, para perder peso ou para ganhar saúde não precisa de nenhum complemento especial se ela ingere uma gama completa de macronutrientes”, garante.

0

 

Ela também lista, de maneira bem simples, quais são os ingredientes que não podem faltar no pós-treino em ordem de importância: água, eletrólitos, carboidratos, proteína e gordura.

A especialista deu mais detalhes sobre o assunto para o portal SportLife, parceiro do Metrópoles. Confira!

Receba notícias do Metrópoles no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: https://t.me/metropolesurgente.

Mais lidas
Últimas notícias