Cortar 300 calorias por dia faz bem até para quem está em forma

Quantidade é equivalente a uma latinha de refrigerante ou seis bolachas recheadas e, apesar de parecer pouco, traz ganhos imediatos à saúde

Irina Marwan, Getty ImagesIrina Marwan, Getty Images

atualizado 16/07/2019 14:19

Cortar o consumo diário de seis bolachas recheadas ou uma latinha de refrigerante representa algo em torno de 300 calorias. Pode parecer pouco no total calórico recomendado por dia, mas é o suficiente para conseguir melhorias significativas de saúde até mesmo para quem está em forma.

A conclusão é de um estudo da Duke University, nos Estados Unidos, publicado na revista científica The Lancet, que analisou dados de 218 voluntários com idades entre 21 e 50 anos. Durante um período de dois anos, eles cortaram 300 calorias diárias de suas dietas e foram monitorados.

Em média, todos os participantes perderam 10% do peso inicial, sendo a maior parte de gordura. Também foram observadas melhorias em marcadores que medem o risco de doenças metabólicas e inflamações crônicas a associadas a doenças cardíacas, câncer e declínio cognitivo.

Os pesquisadores acreditam que diminuir o consumo energético é benéfico quando as 300 calorias são provenientes de alimentos não muito saudáveis, como os ultraprocessados, ricos em gorduras e açúcares.

De acordo com nota publicada no site da universidade, o estudo não foi capaz de pontuar exatamente qual o mecanismo que a restrição calórica ativa no organismo, mas, ainda assim, os dados coletados demonstram melhorias para saúde. Novos estudos baseados em exames de sangue e no perfil muscular dos voluntários estão em curso para levantar outras informações. (Com informações da Revista Galileu)

Últimas notícias