Bebê nasce com Covid-19 e médicos descobrem que vírus passa pela placenta

Pela primeira vez desde o começo da pandemia, foi possível comprovar a fonte de infecção da criança

atualizado 14/07/2020 14:34

grávida segurando barrigaCamila Cordeiro/Unsplash

Desde o início da pandemia de Covid-19, alguns bebês, filhos de mães infectadas com o vírus, nasceram contaminados com o coronavírus. A ciência ainda não tinha descoberto exatamente como o contágio se dava, mas estudava duas opções: ou a criança tinha contato com o vírus ao nascer, durante o parto, ou o micro-organismo passava de mãe para filho.

De acordo com um estudo publicado na revista Nature nesta terça (14/7), os médicos de um hospital na França conseguiram comprovar, pela primeira vez, que a infecção se dá pela placenta. Foram testados o sangue materno, o do recém-nascido, o do cordão umbilical e da placenta, e o líquido amniótico, para comprovar a tese.

A mãe do bebê tem 23 anos, e foi internada com tosse e febre no final do terceiro trimestre de gestação, e foi diagnosticada com Covid-19. Três dias depois, foi preciso fazer uma cesariana de emergência, pois o bebê estava dando sinais de incômodo. Ele teve uma infecção no cérebro, se comprovou a infecção por coronavírus e precisou ficar internado na UTI. Mãe e filho se recuperaram e passam bem.

No Texas
Nos Estados Unidos, médicos encontraram resultados semelhantes no caso de uma recém-nascida que também foi contaminada com o coronavírus. Foi analisada apenas a placenta, e traços de inflamação e do vírus foram encontrados.

0

Últimas notícias