Covid-19: um quinto da população mundial está no grupo de risco

Entre a população jovem, que segue trabalhando normalmente em alguns países, um quarto tem alguma patologia crônica

atualizado 29/04/2020 10:55

Coronavírus Covid-19 ilustraçãoArte/Metrópoles

Cerca de um quinto da população mundial tem ao menos uma enfermidade que pode agravar o quadro do novo coronavírus. Isso significa que, 1.746 milhões de pessoas, 22% da população mundial, tem uma doença que a põe no grupo de risco da doença.

Os dados são da pesquisa divulgada pela London School of Hygiene & Tropical Medicine. De acordo com o estudo, cerca de 400 milhões, igual a 6% da população, tem duas ou mais comorbidades agravantes ao quadro.

Vale ressaltar que os dados não consideram maiores de 65 anos, que já fazem parte do grupo de risco por conta da idade.

Isso significa dizer que, entre a população jovem, que segue trabalhando normalmente em alguns países, um quarto tem alguma patologia crônica.

Para os criadores do estudo, os dados são importantes para prever a necessidade de isolamento social nos países, para afastamento do grupo das ruas.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), as comorbidades que comprometeriam os pacientes era as doenças respiratórias, o câncer, a diabetes e a hipertensão. Porém, o Ministério da Saúde da Espanha também recomenda o cuidado com paciente vivendo com HIV, asma, doença renal, problemas neurológicos e obesidade mórbida.

Últimas notícias