A Dona do Pedaço: Jô comete assassinato para se livrar de chantagem

As cenas estão previstas para serem exibidas no dia 6 de agosto

DivulgaçãoDivulgação

atualizado 06/07/2019 15:54

Que Jô (Agatha Moreira) não vale nada, todo mundo já sabe. Afinal, a garota não para de armar um golpe atrás do outro para arrancar dinheiro de sua mãe, Maria da Paz (Juliana Paes). No entanto, ela vai se superar ao assassinar o mordomo de sua casa, Jardel (Duio Botta), que irá chantageá-la após fazer uma foto da vilã aos beijos com Régis (Reynaldo Gianecchini). Aflita, a garota vai empurrar o sujeito nos trilhos do metrô e ele será atropelado.

Tudo começa quando Ellen (Rosane Gofman) flagra uma discussão de Jô e Régis por ciúme, já que a garota transou com o “namorado de fachada”, Téo (Rainer Cadete). Intrigada, a funcionária comenta com Jardel, que a aconselha a não se meter na vida deles, já que são os patrões. Porém, ele passa a ficar de olho nos dois e os segue quando ambos marcam um encontro. Sem ser visto, o mordomo faz uma foto da dupla se beijando.

Na primeira oportunidade, Jardel coloca Jô contra a parede. Ele diz já saber que ela e Régis são amantes e que fez uma foto dos dois juntos. Então, exige muita grana para não mandar a imagem para Maria da Paz, o que na certa seria um tremendo escândalo. A “digital influencer” se desespera e o rapaz a manda se virar para conseguir dinheiro, marcando um encontro com ela para dali a 24 horas numa estação do metrô.

Conheça os personagens na nova novela das 21h:

No horário combinado, Jô aparece com uma bolsa cheia de dinheiro e diz a Jardel que raspou sua conta, obtendo quase toda a quantia que ele pediu. Ela o manda apagar a foto, mas logo se dá conta de que o pesadelo não terá fim quando o funcionário fala que a imagem já foi enviada para um local seguro na internet e exige mais dinheiro todos os meses. Desesperada com a chantagem, a garota percebe que o metrô está se aproximando e empurra o mordomo nos trilhos. A bolsa cai na plataforma e o sujeito é atropelado, tendo um fim terrível. Mas para a sorte dela, as câmeras de segurança estavam desativadas, o que dificultará o trabalho da Polícia para saber o que aconteceu.

As cenas que culminam com a morte de Jardel estão previstas para serem exibidas no dia 6 de agosto.

Últimas notícias