GDF anuncia que reforma da Rodoviária do Plano Piloto será antecipada

A interdição parcial ocorreu no último dia 26 de junho, quando fissuras foram identificadas na estrutura

Daniel Ferreira/MetrópolesDaniel Ferreira/Metrópoles

atualizado 06/07/2019 12:03

O Governo do Distrito Federal anunciou a antecipação para a próxima a semana o início das obras na estrutura na Rodoviária do Plano Piloto. O prazo anterior era de 20 dias para começar os trabalhos.

A interdição de parte da plataforma superior da Rodoviária ocorreu no último dia 26 de junho, quando foram identificadas fissuras na estrutura que cobre o ponto de maior movimentação da capital federal, por onde passam diariamente cerca de 700 mil pessoas. Nesse período, o governo iniciou estudos técnicos para realizar a contratação de empresas especializadas no tipo de serviço necessária a recuperação do local.

O trabalho técnico está sendo realizado pela Companhia Urbanizadora da Nova Capital, a Novacap, que enviará o estudo às empresas que se credenciarem para o serviço. As propostas ainda estão em fase de análise e deverão considerar critérios técnicos e de preço. A contratação da empresa será imediata, assim como o início das obras.

Além da recuperação da plataforma superior da Rodoviária, as duas extremidades da cobertura da plataforma superior serão demolidas e reconstruídas nos mesmos moldes da arquitetura original. O trabalho de demolição começará simultaneamente ao de recuperação dos pilares, pois são obras separadas e uma não interfere na outra.

Licitação

Últimas notícias