Dicas de exercícios e alimentação para viver uma vida saudável e sem neura

Hérnia de disco: é melhor realizar eletroestimulação ou exercício para aliviar dores?

Um estudo recente trouxe respostas importantes a quem sofre desse incômodo

atualizado 06/10/2021 17:13

Wolfgang Claussen/Pixabay

Quem sofre com as dores da hérnia de disco fica sempre em dúvida do que fazer para aliviar esse incômodo. Muitos acham, inclusive, que fazer exercício não é indicado, e que o ideal é a eletroestimulação. Mas será que é isso mesmo?

Um estudo recente avaliou pessoas com hérnia de disco lombar e as dividiu em dois grupos:⁣ um realizou a eletroestimulação através do Transcutaneous Electrical Nerve Stimulation (TENS); o outro, exercícios de estabilização para o transverso do abdômen e os multífidos lombares, como prancha e elevação pélvica isométrica.

Após 16 sessões, o primeiro grupo, que usou o TENS, melhorou apenas a dor, enquanto o segundo teve como vantagem uma evolução na incapacidade funcional, na fadiga dos músculos multífidos e transverso e na resistência muscular.⁣

Ou seja, a eletroestimulação se mostrou útil como estratégia de analgesia, porém, não é capaz de, sozinha, trazer grandes impactos positivos ao quadro geral. Para que a melhora ocorra na condição físico-funcional, é necessário a realização de exercícios específicos.⁣

Busque ajuda de um profissional para te orientar na prescrição das atividades físicas.

Últimas notícias