Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Natália Portinari

Molon defende candidatura ao governo de Freixo, que não retribui apoio

Marcelo Freixo disse que a candidatura de Alessandro Molon ao Senado terá de passar pela coligação de partidos aliados no Rio de Janeiro

atualizado 23/03/2022 13:01

Alessandro Molon e Marcelo Freixo Reprodução/Twitter

O deputado federal Alessandro Molon, pré-candidato do PSB ao Senado pelo Rio de Janeiro, afirmou nesta quarta-feira (23/3) que defende a pré-candidatura de Marcelo Freixo para o governo estadual. Mas, perguntado se apoiaria Molon ao Senado, Freixo não retribuiu.

“Sim, é a pré-candidatura que nós defendemos”, disse Molon, ao ser questionado sobre Freixo durante o evento de filiação do ex-governador Geraldo Alckmin ao PSB.

Freixo, no entanto, disse que a definição da chapa caberá à coligação dos partidos no Rio. “Sou o nome do governo da coligação de seis partidos. É essa coligação que vai definir a chapa. Eu cuido da campanha para governador. A coligação define a chapa. Molon é um excelente nome, mas é a coligação que define a chapa”, afirmou.

Molon e Freixo haviam costurado um acordo para definir qual dos dois levaria a candidatura adiante, mas os termos já foram deixados de lado. A relação entre os deputados federais se deteriorou diante do impasse.

Uma ala de dirigentes do PT defende a retirada da pré-candidatura de Freixo por entender que o palanque não traria votos de fora da esquerda para a campanha de Lula.

À coluna, a presidente do PT, Gleisi Hoffmann, defendeu um nome do partido para compor a chapa majoritária no estado. Gleisi, que apoia a pré-candidatura de Freixo, quer o presidente da Assembleia do Rio de Janeiro, o petista André Ceciliano, para concorrer ao Senado.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
Publicidade do parceiro Metrópoles 3
0

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga a coluna no Twitter e no Instagram para não perder nada.

Mais lidas
Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna