Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Paulo Cappelli

Grupo de trabalho decide enviar projeto de meta climática ao governo

Documento elaborado com a participação de empresas, políticos e membros da sociedade civil será compartilhado com ministros de Bolsonaro

atualizado 30/09/2021 10:28

DesmatamentoLourival Sant’Anna/Agência Estado

O grupo da sociedade civil que estrutura um documento com novas metas climáticas para o Brasil cumprir até 2030 decidiu apresentar o resultado dos trabalhos ao governo federal. O relatório da “Iniciativa Clima e Desenvolvimento: Visões para o Brasil 2030” será enviado para a análise de ministros de Bolsonaro antes da Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas, a COP26, em Glasgow, na Escócia. Resta definir quantos e quais serão eles.

O foco da iniciativa é pautar o debate ambiental na eleição de 2022, tanto que o relatório será distribuído para todos os pré-candidatos à Presidência após a COP26. Os realizadores, no entanto, chegaram ao entendimento de que os documentos também deveriam ser compartilhados com o governo para mostrar que o país pode ser mais ambicioso no cumprimento das metas climáticas.

A ideia é divulgar o relatório final em outubro. A iniciativa foi convocada pelo Instituto Clima e Sociedade (iCS), pelo Centro Clima (Coppe/UFRJ) e pelo Instituto Talanoa. Colaboraram para a formulação do documento o ex-ministro da Fazenda Joaquim Levy, representantes de grandes empresas, como a JBS e a Natura, e lideranças do universo político, entre elas os governadores Eduardo Leite e Flávio Dino.

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Mais lidas
Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna