Observadora do cenário político do DF, lança luz nos bastidores do poder na capital.

Bolsonaro desabafa e chora durante café com apoiadores

Até o momento, o presidente recebeu apoio de quatro governadores para o segundo turno. O mandatário participou de café da manhã com aliados

atualizado 05/10/2022 19:22

Jair Bolsonaro Igo Estrela/Metrópoles

Antes da coletiva de imprensa na qual o presidente Jair Bolsonaro (PL) recebeu apoio público do governador Ibaneis Rocha (MDB), o mandatário do país fez desabafo e chorou.

Durante o café da manhã restrito, Bolsonaro agradeceu a cooperação de apoiadores e relatou estar sob grande pressão, ataques e mentiras.

Menos de 24 horas após o término do primeiro turno, o titular do Planalto entrou em ofensiva para angariar apoio dos governadores.

Veja fotos do encontro:

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
Publicidade do parceiro Metrópoles 3
0

Ao longo da terça-feira (4/10), os governadores Cláudio Castro (PL), do Rio de Janeiro; Romeu Zema (Novo), de Minas Gerais; e Rodrigo Garcia (PSDB), de São Paulo, declararam apoio ao presidente. Ibaneis Rocha é o quarto a fazer o mesmo.

Os dois primeiros eram aguardados, devido à proximidade dos gestores com o presidente. Assim, Bolsonaro pretende conquistar ao menos 1 milhão de eleitores a mais em relação ao primeiro turno – número equivalente à quantidade de votos que os governadores obtiveram a mais que o titular do Planalto nos respectivos estados.

Mais lidas
Últimas notícias