Psyllium: fibra natural diminui a vontade de comer

Fibra natural encontrada na casca de sementes tem a capacidade de aumentar seu tamanho em 20 vezes, diminuindo o apetite

iStockiStock

atualizado 11/11/2019 12:24

Encontrar algo que auxilie na diminuição do apetite e, consequentemente, no emagrecimento. Esse é um sonho de muitas pessoas e, hoje, o  nutricionista Sidney Veloso pode ajudar a realizá-lo. A convite da coluna Na Medida, o profissional irá explicar tudo sobre o Psyllium, alimento natural que auxilia na perda de peso e saúde em geral.

Trata-se de uma fibra natural encontrada na casca das sementes de uma planta chamada Plantago Ovata. Ele tem a capacidade de aumentar seu tamanho em 20 vezes ao entrar em contato com outros líquidos, fazendo com que haja uma redução na vontade de comer. Ou seja: promove a sensação de estômago “cheio”.

Esse “dom” do Psyllium é uma ótima notícia para quem busca uma opção saudável para o emagrecimento.

A boa e recente fama não veio à toa. A cada 100 g do produto, 80 g são apenas fibras. Ele forma uma espécie de pasta ao entrar em contato com a água. Esse material limpa as paredes do intestino, eliminando toxinas e impurezas pelas fezes.

A entrada do Psyllium no organismo faz com que a velocidade de absorção dos carboidratos seja menor, diminuindo, assim, a sobrecarga do pâncreas na produção de insulina. Por isso, essa fibra é amplamente utilizada no controle dos níveis de glicemia.

É considerado um alimento com poucas contraindicações. Em conjunto à ingestão frequente desse composto, deve-se adotar o hábito de beber bastante água, caso contrário, tantas fibras no organismo podem causar cólicas, dores e gases. Pessoas que tomam certos medicamentos, como antidepressivos, anticonvulsivos, antiagregantes plaquetários e remédios para diabetes ou colesterol, devem evitar o uso, bem como gestantes, pacientes com transtornos renais ou no esôfago.

Os benefícios do Psyllium são:

  1. Ajuda no emagrecimento;
  2. Melhora o trânsito intestinal;
  3. Reduz o colesterol;
  4. Ajuda no controle da diabetes;
  5. Reduz a pressão arterial.

Como consumir o Psyllium?

1. Pó (farinha): consumir uma colher de sopa diariamente;
2. Cápsulas: consumir em média oito cápsulas de 500 mg ao dia.

Procure sempre um nutricionista para ajustar suas doses.

SOBRE O AUTOR
Sabrina Mundim

Graduada em Educação Física pela Universidade Católica de Brasília (UCB), é especialista em Emagrecimento e Treinamento Resistido pela Universidade Gama Filho. Atualmente, colabora com o portal Metrópoles na coluna Na Medida.

Últimas notícias