Witzel diz que deseja suceder Bolsonaro na Presidência

Governador do Rio de Janeiro evitou comentar se será candidato de fato nas próximas eleições majoritárias

Tomaz Silva/Agência BrasilTomaz Silva/Agência Brasil

atualizado 06/08/2019 15:50

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, disse ao canal de entrevistas Na Lata, apresentado por Antonia Fontenelle, que seu desejo é ser presidente da República, “de preferência sucedendo o presidente [Jair] Bolsonaro”. De início, o governador, desconfortável, evitou responder qual seria a intenção, mas acabou confirmando para a apresentadora que deseja se candidatar ao cargo máximo do Executivo.

“Witzel é candidato em 2022”, disse Fontenelle após a resposta de Witzel. O governador, no entanto, evitou comentar se será candidato de fato nas próximas eleições majoritárias, afirmando que “estará em parceria com Bolsonaro, estaremos juntos”.

Wilson Witzel é mais um governador brasileiro com mandato a sondar as possibilidades para o Planalto. O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), vem sendo apontado por diversos setores da esquerda como candidato natural da oposição no pleito de 2022.

João Doria (PSDB), governador de São Paulo, também vem buscando viabilizar nos bastidores candidatura ao Planalto nas próximas eleições, buscando um descolamento do presidente Jair Bolsonaro (PSL), de quem se aproximou no segundo turno do pleito do ano passado.

Últimas notícias