Em Brasília, Ratinho Jr. oficializa apoio a Bolsonaro no segundo turno

Governador reeleito no Paraná é o segundo a declarar, nesta quarta-feira, apoio ao candidato no 2º turno. Mais cedo, foi a vez de Ibaneis

atualizado 05/10/2022 13:14

Fotos: Rafaela Felicciano/Metrópoles

O governador reeleito no Paraná, Ratinho Jr. (PSD), foi o segundo gestor a declarar apoio no segundo turno das eleições ao presidente e candidato à reeleição Jair Bolsonaro (PL) nesta quarta-feira (5/10). O pleito acontecerá no dia 30 de outubro.

Mais cedo, o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), também se reuniu com o mandatário e oficializou a aliança para a disputa. O gestor reafirmou o compromisso com o presidente. “O governo Bolsonaro foi o que mais investiu no nosso estado nos últimos 30 anos”.

Ele ainda reforçou a “esmagadora votação” de Bolsonaro no estado no primeiro turno e afirmou que essa margem poderá ser ampliada no segundo turno. Também acrescentou que mais de 70% dos prefeitos do estado estarão “o ajudando”.

Bolsonaro, por sua vez, frisou a atuação do governo federal no estado por meio da usina binacional de Itaipu. Ele ainda citou outras obras na região, que faz fronteira com a Argentina e o Paraguai, e projetos de piscicultura.

“O estado do Paraná é extremamente importante para nós”, disse o candidato à reeleição, reforçando ligação com o agro.

Mais lidas
Últimas notícias