Datena explica por que não foi ao velório do amigo Boechat

O apresentador do Brasil Urgente era um dos mais próximos do jornalista. "Não queria vê-lo em caixão"

Reprodução/BandReprodução/Band

atualizado 13/02/2019 9:30

O apresentador do Brasil Urgente, da Band, não foi ao velório de Ricardo Boechat, que morreu nessa segunda-feira (11/2) em um acidente de helicóptero. Procurado pelo UOL, Datena — que era um dos amigos mais próximos do jornalista — explicou o motivo da ausência. Ele revelou que não passou a noite muito bem e durante o dia tomou muitos remédios.

“Mas mesmo se eu estivesse bem, não iria ao velório porque não queria ver o Boechat daquele jeito, deitado em um caixão”, diz Datena. “A minha relação e o meu amor pelo Boechat eram incontestáveis. O cara era um irmão. Eu fiquei mal mesmo com a notícia da morte. Achei que iria ter um enfarte no ar”, explicou.

“Cada um expressa sua dor da melhor forma possível. Eu me despedi do Boechat orando por ele”, completou o jornalista. Ao encerrar seu programa no último dia 11, o apresentador se emocionou ao recordar os tempos com o amigo: “Meu amigo, que saudade de você. Quantos anos eu te anunciando como o melhor âncora da TV Brasileira e você não está aqui”. Após a declaração, Datena saiu do ar sem encerrar a programação.

Últimas notícias