Bahia: PMs são presos suspeitos de matar homem que denunciou esquema

Os policiais estavam no carro e partiu deles o tiro que alvejou e matou o empresário Paulo Grendene, no dia 12 de junho passado

atualizado 21/07/2021 11:54

Divulgação / Polícia Civil

Os cinco acusados presos na manhã desta quarta-feira (21/7) em Barreiras (BA), no Extremo Oeste, são três policiais e dois empresários.

Os policiais estavam no carro e partiu deles o tiro que alvejou e matou o empresário Paulo Grendene, no dia 12 de junho passado, conforme apuração. É procurada ainda uma sexta pessoa cujo mandado de prisão também foi decretado.

Os empresários não estavam no veículo, mas são suspeitos de encomendar o homicídio. Há a suspeita de que os cinco presos – os três PMs e os dois empresários – também tenham participado de outros crimes semelhantes ao que vitimou Paulo Grendene, e associado à posse de terras no Oeste baiano.

Leia mais em Bahia Notícias, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias