Grávida pode alisar, pintar ou fazer mechas no cabelo? Tire a dúvida

Saiba se as mudanças capilares podem colocar em risco a saúde da mulher e do bebê

atualizado 13/08/2021 11:59

Secador de cabelo portátil Jamie Grill/Getty Images

A gravidez é um momento de muita transformação e também de felicidade e esperança. Com os hormônios a mil, os cabelos se tornam mais sedosos, a pele mais brilhante, as unhas quebram menos, os seios ficam maiores. O resultado disso é um bem enorme para o corpo e para a alma. Para quem é vaidosa, essa mudança natural pode ser pouco e aí surgem das dúvidas: posso pintar o cabelo? Posso fazer luzes? E alisamento, posso alisar meu cabelo?

A verdade é que boa parte dos tratamentos é proibida, especialmente nos três primeiros meses – isso porque há o risco que de uma substância química tóxica entre na corrente sanguínea pelo couro cabeludo da mãe e, se chegar ao bebê, pode provocar malformações e até leucemia.

Além disso, como a grávida fica com a imunidade mais baixa, pode desenvolver alergia a alguns produtos e a maioria dos remédios para combater o problema é proibido para gestantes. Outra dica é ter um diálogo claro e sincero com seu ginecologista, só ele vai saber te orientar da melhor forma nesses momentos.

Veja no portal BabyHome, parceiro do Metrópoles, o que pode e não pode ser feito, no salão ou em casa.

Mais lidas
Últimas notícias