Experts indicam 4 suplementos a partir de R$ 8 que realmente funcionam

Deseja ter mais gás para treinar e turbinar a produção de massa magra? Esses suplementos low cost podem facilitar a missão

atualizado 09/07/2021 18:44

Engana-se quem pensa que apenas suplementos alimentares caros trazem benefícios ao corpo. Segundo especialistas consultados pelo Metrópoles, há opções desse tipo de produto que valem a pena e cabem no bolso.

No entanto, é importante salientar que os suplementos funcionam somente como complemento da alimentação. Ou seja, não espere milagres ao tomar scoops de whey, por exemplo.

“O que efetivamente aumenta a massa muscular é o treinamento associado a uma alimentação adequada e a um bom descanso. Os suplementos entram nesse processo apenas como coadjuvantes”, alerta o nutricionista Leonardo Lopes, do Grupo Harmonittá, em Brasília.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
0

Abaixo, confira quatro suplementos acessíveis que realmente funcionam!

Creatina monohidratada

Se você deseja melhorar o desempenho nos treinos, aposte na creatina monohidratada. Além de acessível, esse composto derivado de aminoácidos fornece energia para os músculos, dando o gás que você precisa para arrasar na academia.

“Esse é um suplemento de baixo custo que realmente pode auxiliar no ganho de massa muscular”, garante Leonardo. Na internet, um pote com 100 gramas de creatina monohidratada pode ser encontrado a partir de R$ 24.

Cafeína em cápsulas

A musa fitness Carol Borba, formada em Educação Física pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), é fã da cafeína em cápsulas, um suplemento amplamente usado para melhorar a memória, a concentração e o desempenho físico.

“Ela dá energia para treinar e é bem acessível”, destaca Carol. Gastando apenas R$ 17, é possível comprar até 60 cápsulas. Normalmente, os especialistas recomendam o consumo de até dois compridos ao dia.

Albumina

A albumina é um suplemento fabricado a partir da clara do ovo, desidratada e triturada. Rica em proteínas, essa substância é uma opção para quem deseja turbinar a produção de massa muscular e muito mais barata que seu principal concorrente, o whey protein.

O nutricionista Leonardo Lopes revela que, ao contrário da creatina e da cafeína em cápsulas, a albumina deve ser consumida sempre após o treino. “Isso porque ela contribui para a reconstrução da fibra muscular depois da atividade física”, explica.

Apesar de mais acessível, essa substância oferece os mesmos resultados que o famoso whey para ganho de músculos, já que ambos são feitos à base de proteínas de alto valor biológico, conforme mostra uma revisão de 49 estudos publicada pelo British Journal of Sports MedicineOn-line, um pacote com 100 gramas de albumina pode ser encontrado por R$ 8.

Maltodextrina

A maltodextrina é um carboidrato complexo que evita a perda de músculo ao invés de gordura durante o treino. É indicada para quem pratica exercícios de alto impacto e por longos períodos de tempo.

Carol Borba também aponta esse tipo de suplemento, que deve ser tomado antes da academia, como ideal para quem deseja turbinar a produção de massa muscular sem gastar muito por isso. Diversas lojas de artigos naturais e esportivos vendem 1 kg de maltodextrina por menos de R$ 20.

Antes de tomar qualquer suplementação, consulte um especialista.

Mais lidas
Últimas notícias