Fototerapia: conheça os benefícios do laser contra a queda de cabelo

O tratamento estético diminui o incômodo visual da queda de cabelo com objetivo de dar volume aos fios

atualizado 04/03/2021 16:20

cabelosCoffeeAndMilk/Getty Images

Embora seja completamente natural encontrar fios de cabelo perdidos na escova, a presença de tufos enormes pode representar um sinal de alerta. Alopecia, quedas, afinamento dos fios, oleosidade e calvície são alguns exemplos de quadros inimigos das madeixas saudáveis, cheias e brilhantes.

No entanto, opções do universo da estética prometem resolver os problemas capilares.  Modelos de vasodilatadores como laser, luz de LED e alta frequência são alguns exemplos. Além deles, a fisioterapeuta dermatofuncional especialista em tricologia Aline de Oliveira, enumera recursos de estética como aromaterapia e a argiloterapia.

A fototerapia, tratamento que combina as tecnologias e laser luz de LED, é um grande aliado da tricologia e pode ser usado para a recuperação da cabeleira, promovendo a redução de processos inflamatórios e auxiliando na cicatrização dos tecidos.

Como funciona?

O procedimento consiste na aplicação de laser e luz de LED nos folículos capilares, facilitando a entrada de oxigênio nos poros. “Isso auxilia no crescimento mais saudável dos fios. Além dos benefícios ligados à estrutura, a fototerapia ajuda na aceleração do fluxo sanguíneo do couro cabeludo, possibilitando uma melhora significativa na qualidade nutricional do cabelo”, explica o gerente de pesquisa Lucas Sousa, da empresa especializada no tratamento, Ecco Fibras.

0

Segundo o profissional, durante a fototerapia são aplicados feixes de laser de baixa potência localizados na região afetada, com o auxílio de aparelhos próprios para essa finalidade. “Cada tipo de luz promove um efeito diferente e pode ser utilizado para uma aplicação específica”, explica.

Veja os diferentes tipos de fototerapia e seus efeitos:

  • Luz azul: tem ação bactericida e fungicida, possibilita a hidratação dos fios e do couro cabeludo, combate os radicais livres e potencializa os efeitos de produtos cosméticos capilares, além de garantir brilho e hidratação aos fios.
  • Luz vermelha: combate processos inflamatórios, auxilia na selagem das cutículas e fortificação do fio. Ela também é uma opção para o tratamento da queda e na cicatrização de tecido, estimula síntese de colágeno, aumenta a produção de ATP e realiza terapia ILIB (técnica de laser terapêutico).
  • Luz infravermelha: tem função analgésica, para o tratamento de dores, atua na drenagem de líquidos, possui efeito anti-inflamatório. Além disso, a luz aumenta em 40% a penetração e eficácia de produtos e tem efeitos significativos quando usada em conjunto com a luz vermelha para tratamento de queda e fortificação capilar.

Últimas notícias