Saiba o que significa a “emergência global” decretada pela OMS

A OMS considera o enfrentamento da doença como uma questão global e convoca seus Estados membros para uma ação coordenada

atualizado 30/01/2020 19:17

pessoa de máscara em wuhanGetty Images

Na tarde desta quinta-feira (30/01/2020), a Organização Mundial de Saúde (OMS) decidiu decretar nível de “emergência internacional de saúde pública” por conta do novo coronavírus. A decisão foi tomada devido ao aumento expressivo no número de casos confirmados, assim como o aparecimento do vírus em outros países.

O nível significa que o órgão de saúde sugere uma “resposta internacional” coordenada dos 196 países signatários do Regulamento Sanitário Internacional. Na prática, se aumentam os aportes financeiros, sanitários e científicos para conter a doença e é lançada uma espécie de cartilha com as medidas que as nações devem tomar quanto ao comércio de bens e pessoas para evitar o avanço do vírus.

A declaração representa que a OMS considera o enfrentamento da doença como uma questão global e convoca seus Estados membros para uma ação coordenada.

Em nota, a OMS afirma acreditar que é possível interromper a dispersão do vírus, mas é necessário que os países adotem fortes medidas para a detecção da doença, o isolamento e tratamento dos casos.

“O comitê enfatiza que a declaração de estado internacional de emergência de saúde pública deve ser vista no espírito de ajuda e agradecimento à China, à população e às ações que o país está tomando nas linhas de frente, com transparência e sucesso”, diz o documento.

O nível de emergência global só foi decretado antes cinco vezes na história: H1N1 (2009), poliomielite (2014), zika (2015) e ebola (2014 e 2019).

Últimas notícias