metropoles.com

Saiba como incluir antioxidantes na dieta para evitar o envelhecimento

Vitaminas C e E, flavonoides, polifenóis, ômega-3, selênio e zinco ajudam a combater o processo de envelhecimento das células

atualizado

Compartilhar notícia

iStock
colágeno vitamina c rosto plástica
1 de 1 colágeno vitamina c rosto plástica - Foto: iStock

O envelhecimento é um processo natural, mas que pode ser sentido com menos intensidade quando seguimos uma rotina saudável. Incluir alimentos com substâncias antioxidantes à dieta, por exemplo, é uma forma de evitar a ação dos radicais livres no organismo.

“Quando não priorizamos uma alimentação rica em alimentos in natura e damos preferência para refrigerantes, sucos adoçados, doces, frituras, fast food, pouca ingestão de água estamos favorecendo um ambiente oxidativo”, explica a nutricionista Laura de Souza Silva, da clínica Nutrindo o Conhecimento.

Os antioxidantes agem no caminho inverso. São substâncias químicas que ajudam a proteger moléculas biológicas como o DNA do estresse oxidativo causado por fatores naturais internos, como os processos metabólicos, e externos, como a poluição presente no ambiente em que vivemos.

Os antioxidantes são encontrados principalmente em frutas, vegetais e frutos secos que contêm vitaminas C e E, flavonoides, polifenóis, ômega-3, selênio e zinco, por exemplo.

As substâncias antioxidantes contribuem para a cicatrização da pele, a produção de colágeno, o fortalecimento das defesas do organismo. Também ajudam a regular os níveis de colesterol e aliviam os sintomas da menopausa.

Alimentos que ajudam a aumentar a imunidade:

6 imagens
As sementes de girassol, assim como as castanhas, são ricas em selênio e espermidina
As castanhas são um superalimento
A vitamina C presente nas frutas cítricas, como o limão, a laranja e a tangerina, também fortalece o sistema imune
Gorduras boas também ajudam o sistema imunológico a funcionar melhor
A batata doce também está na lista de alimentos que favorecem a imunidade, pois é rica em vitamina A
1 de 6

O salmão é rico em ômega 3

Pixabay
2 de 6

As sementes de girassol, assim como as castanhas, são ricas em selênio e espermidina

Istock
3 de 6

As castanhas são um superalimento

iStock
4 de 6

A vitamina C presente nas frutas cítricas, como o limão, a laranja e a tangerina, também fortalece o sistema imune

Nery Montenegro - Unsplash
5 de 6

Gorduras boas também ajudam o sistema imunológico a funcionar melhor

Pixabay
6 de 6

A batata doce também está na lista de alimentos que favorecem a imunidade, pois é rica em vitamina A

Unsplash

Os principais antioxidantes também podem ser obtidos a partir de suplementos alimentares. No entanto, a melhor opção é tentar incluí-los fazendo uma alimentação equilibrada. “Embora existam excelentes opções de suplementos à venda, cuidado para não se iludir com falsas promessas. A quantidade a ser consumida e o tempo de uso variam de acordo com cada perfil de paciente”, explica a nutricionista clínica e funcional Paulina Nunes Heringer.

Saiba em que alimentos encontrar os principais antioxidantes:

  • Vitamina C: acerola, brócolis, repolho, espinafre, kiwi, laranja, limão, manga, melão, morango, mamão, castanha-da-índia e tomate;
  • Vitamina E: arroz integral, amêndoa, amendoim, castanha-do-Pará, gema de ovo, gérmen de trigo, milho, sementes de girassol e óleo vegetais;
  • Ômega-3: atum, salmão, sardinha, sementes de chia e de linhaça e óleos vegetais;
  • Betacaroteno: frutas e vegetais vermelhos, laranjas e amarelos, como abóbora, beterraba, brócolis, cenoura, repolho, melão e damasco seco;
  • Antocianinas: amoras, framboesa, cereja, alface roxa, açaí, ameixa vermelha, berinjela, goiaba, morango e couve roxa;
  • Licopeno: goiaba, melancia e tomate;
  • Flavonoides: frutas cítricas, nozes, chá verde, chá preto, vinho tinto, café e uva roxa;
  • Polifenóis: frutos vermelhos, frutos secos, cereais integrais, cebola, chá verde, camomila, nozes, soja, tomate, uva roxa e vinho tinto;
  • Selênio: aveia, aves, amêndoas, castanha-do-Pará, fígado, nozes, frutos do mar, sementes de girassol e trigo integral.
  • Zinco: aves, carnes, cereais integrais, feijão, frutos do mar, leite e nozes.

(Com informações do portal Tua Saúde)

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comSaúde

Você quer ficar por dentro das notícias de saúde mais importantes e receber notificações em tempo real?