Países voltam a aplicar vacina de Oxford/AstraZeneca após suspensão

Com sinal verde da OMS e da agência regulatória europeia, maioria das nações voltou atrás na suspensão

atualizado 19/03/2021 16:17

ampola da vacina de oxfordGareth Fuller - WPA Pool / Getty Images

Após a revisão da Agência de Medicamentos Europeia (EMA) e da Organização Mundial de Saúde (OMS) que descartou relação entre a vacina de Oxford/AstraZeneca e a formação de coágulos sanguíneos, países que optaram por suspender a aplicação estão voltando a usar o imunizante.

Alemanha, Itália, Indonésia e outras nações já recomeçaram a aplicar a vacina na população. O governo da França decidiu recomendar que apenas pessoas maiores de 55 anos recebam a injeção — o país ainda está preocupado com a incidência dos coágulos, principalmente em jovens. Na Lituânia, a decisão ficará por conta da população, que poderá escolher se tomará a vacina ou não.

Espanha e Holanda devem voltar a usar o imunizante na próxima semana. Dinamarca, Finlândia e Suécia ainda esperam a conclusão da investigação por órgãos internos antes de tomar uma decisão.

“É uma vacina segura e eficaz. Se fosse eu, tomaria amanhã”, disse Emer Cooke, diretora da EMA. Segundo a agência reguladora da Europa, os benefícios da vacina superam os riscos e a fórmula continuará sendo monitorada.

Saiba como as vacinas contra Covid-19 funcionam:

0

Últimas notícias