Nutricionista lista 6 erros que impedem o ganho de massa muscular

Especialista explica que fazer jejum ou apostar somente em suplementos, por exemplo, não são a melhor opção para ganhar músculos

atualizado 20/05/2022 18:11

mulher na academiaGettyImages

A busca por qualquer mudança no próprio corpo é complicada. Diversos fatores interferem nos resultados finais: seja para emagrecer, engordar, ou ganhar músculos, não basta passar o dia na academia ou fechar a boca. O ideal é conjugar diferentes estratégias para facilitar o processo.

O ganho de massa muscular funciona de maneira muito diferente do processo de perda de peso. É preciso comer em quantidades adequadas (muitas vezes mais do que se gasta) e escolher bem os alimentos para evitar a necessidade do uso de suplementos alimentares.

A nutricionista Carolina Vogado elenca seis erros de quem está tentando ganhar massa muscular. Confira:

1 – Fazer jejum para hipertrofia

Carolina conta que ficar muitas horas sem comer é mais indicado para quem busca perder peso, não é uma estratégia que facilite o ganho de massa muscular. No entanto, se as necessidades nutricionais do paciente forem atingidas durante o dia, o jejum não atrapalhará a hipertrofia.

2 – Usar suplementos de forma obrigatória

“Na verdade, quando a ingestão alimentar de nutrientes não é adequada, faz-se a opção pela inclusão de suplementos, nunca o contrário. O aproveitamento dos nutrientes que provém dos alimentos é melhor do que o dos suplementos. Além disso, um único alimento é fonte de diferentes nutrientes por possuir uma matriz complexa”, ensina a nutricionista.

Segundo ela, melhor que consumir suplementos é apostar na qualidade do cardápio.

3 – Pular as refeições pré-treino e pós-treino

Carolina explica que o ideal é não pular nenhuma refeição e cumprir à risca as orientações do nutricionista — uma boa dieta deve levar em consideração as necessidades do paciente, assim como seus horários de atividade física, sono e trabalho/estudo.

Perder a oportunidade de comer carboidrato antes do treino, por exemplo, pode causar uma baixa de energia durante o exercício, diminuindo o rendimento.

0

4 – Cortar todas as gorduras da dieta

A nutricionista afirma que, para ganhar massa magra, não se pode deixar de consumir gordura. “As gorduras boas devem ser preferidas em relação às demais pois propiciam a adequada síntese hormonal”, alerta.

Entre os hormônios dependentes da gordura está a testosterona, que tem papel fundamental no ganho de massa magra.

5 – Beber pouca água

Além de cerca de 70% dos músculos ser água, Carolina explica que a hidratação é essencial para favorecer a manutenção e o crescimento das células musculares.

6 – Comer menos do que se gasta

“Na busca pela hipertrofia, o déficit calórico não é a melhor estratégia. Se quero construir tecidos, no caso músculos, preciso ter um consumo de energia que favoreça o processo. Assim, recomenda-se uma ingestão maior que a necessidade energética do indivíduo”, explica Carolina.

Receba notícias do Metrópoles no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: https://t.me/metropolesurgente.

Mais lidas
Últimas notícias