Merck entra na corrida pela vacina contra Covid-19 com duas propostas

Gigante farmacêutica está participando do desenvolvimento de métodos de imunização e também prepara um medicamento oral contra o vírus

atualizado 28/05/2020 12:09

Reprodução

A indústria farmacêutica Merck, cujo nome no Brasil é MSD, anunciou na terça-feira (26/05) que também está participando da corrida internacional para desenvolver uma vacina contra o novo coronavírus.

A multinacional está trabalhando em três frentes: adquiriu a fabricante austríaca de vacinas Themis Bioscience – que tem uma proposta quase pronta para entrar em ensaios clínicos; vai colaborar com o consórcio internacional IAVI – que não tem fins lucrativos e também prepara um método para testes ainda este ano, e trabalha com a empresa norte-americana Ridgeback para desenvolver um medicamento antiviral oral contra o Covid-19.

Em relação às propostas de vacina, o presidente do departamento de pesquisas da gigante farmacêutica, Roger Perlmutter, afirmou que não está preocupado em ser o primeiro, mas em encontrar uma solução de dose única que seja efetiva.

“É provável que o mundo precise de mais de uma vacina para atender à demanda”, afirmou Perlmutter, ao fazer o comunicado sobre as iniciativas da empresa. “E populações diferentes, como idosos ou crianças, devem precisar de imunizações diferentes”, acrescentou. (Com informações da revista Science)

0

Últimas notícias