Grávidas que se exercitam têm bebês com melhores habilidades motoras

Desenvolvimento do controle do corpo e saúde cardiovascular do bebê são alguns dos benefícios da malhação na gravidez

iStockiStock

atualizado 12/08/2019 8:30

Já se sabe que praticar exercícios durante a gravidez é extremamente benéfico para a mãe. Agora, pesquisadores da Universidade do Leste da Carolina do Norte descobriram que a atividade física é vantajosa também para o bebê. De acordo com os estudiosos, gestantes que praticam ao menos 50 minutos de exercício por dia têm maiores chances de dar à luz crianças com melhores habilidades motoras.

Os benefícios percebidos pela pesquisa foram particularmente manifestados pelas meninas. O estudo é a continuação de outro trabalho, feito pela mesma equipe de pesquisadores, que descobriu que bebês cujas mães se exercitaram durante a gravidez apresentaram saúde cardíaca mais estável. No trabalho anterior, os dados mostraram que os batimentos cardíacos das crianças de mães que malharam enquanto estavam grávidas eram mais baixos em repouso.

Os pesquisadores analisaram 71 mulheres saudáveis ​​entre 18 e 35 anos, grávidas. Metade delas praticou exercícios aeróbicos três vezes por semana, por 45 a 50 minutos a cada sessão. A rotina de exercícios foi feita da 16ª a 36º semana de gestação. A outra metade das participantes realizou exercícios leves de alongamento e respiração também por três vezes semanais.

Um mês após o nascimento das crianças, os pesquisadores notaram que os bebês das mães que praticaram atividades físicas mais intensas tinham maior controle de membros inferiores e superiores, rolando, agarrando-se a objetos e rastejando mais rapidamente.

Os pesquisadores ainda não sabem por que os bebês de mães que se exercitam tendem a se desenvolver mais rápido. Uma teoria, segundo eles, é de que hormônios relacionados à atividade física, como adrenalina e noradrenalina, passem da mãe para a criança pela placenta. Outra explicação seria que o exercício físico faz com que a corrente sanguínea da mulher bombeie mais sangue para o feto, otimizando o fluxo de nutrientes.

Últimas notícias