Covid-19: ratos ficam agressivos após fechamento de restaurantes

Sem comida para os roedores, órgão ligado à saúde nos Estados Unidos emitiu alerta para que as pessoas redobrem os cuidados em casa

Rato revira comidaBSIP/Universal Images Group via Getty Images

atualizado 26/05/2020 14:56

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos emitiu um alerta inusitado durante a pandemia do novo coronavírus. O órgão pede atenção das pessoas para o comportamento de “ratos agressivos”. De acordo com o comunicado, os roedores demonstraram aumento na atividade devido ao fechamento de restaurantes e demais setores do ramo alimentício.

“(Eles) Dependem dos alimentos e resíduos gerados por esses estabelecimentos. Os fechamentos em toda a comunidade levaram a uma diminuição dos alimentos disponíveis para os roedores, especialmente em áreas comerciais densas”, explica o comunicado do CDC.

Desta forma, os ratos têm procurado outras fontes de alimentos que não sejam as lixeiras de restaurantes. As residências são possíveis alvos e os animais podem até exibir comportamento “incomum ou agressivo”, segundo o órgão de saúde norte-americano.

0

O CDC reforça os cuidados de limpeza e higiene a fim de evitar a aproximação dos ratos dentro de casa. Entre as orientações estão depositar o lixo em estruturas “bem cobertas” e remover constantemente as sobras de alimentos e os restos fecais dos animais.

Últimas notícias