Sobe para 16 o número de mortos no desabamento em Miami

Ainda há 149 pessoas desaparecidas. Prefeita de Miami afirma que buscas continuarão

atualizado 30/06/2021 12:58

Divulgação/Miami Dade Fire Rescue

O número de mortos no desabamento do edifício Champlain Towers South, em Miami, nos Estados Unidos. subiu para 16, após equipes de resgate encontrarem mais corpos nos destroços.

Na noite de terça-feira (29/6), no sétimo dia de busca por vítimas, mais quatro corpos foram identificados, totalizando 16. Há 149 pessoas desaparecidas, segundo a prefeita Daniella Levine Canva.

“Podem ter certeza de que essa equipe vai continuar a trabalhar naquela pilha, não vai parar e vai trazer respostas, de um jeito ou de outro”, disse o governador da Flórida, Ron DeSantis, em uma coletiva de imprensa.

0

Na próxima quinta-feira (1º/7), o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e a primeira dama, Jill Biden, visitarão o local do desabamento.

Entre os desaparecidos está o brasileiro Lorenzo, de 5 anos, e o pai, o ítalo-americano Alfredo Leone. Eles moravam no local e dormiam no momento em que uma das torres do condomínio Champlain Towers South veio abaixo. A mãe da criança, a brasileira Raquel Oliveira, estava visitando a família em outro estado.

De acordo com o portal local Miami Herald, o prédio Champlain Towers foi construído em 1981 e tem mais de 100 unidades. A parte que desabou contava com 55 apartamentos.

Mais lidas
Últimas notícias