Coronavírus: Macron “fecha” França por 15 dias e suspende contas

Francês enfatizou que quem desobedecer às orientações poderá ser punido. Contas de luz, água, gás e aluguel ficam suspensas por 45 dias

atualizado 16/03/2020 17:11

O presidente da França, Emmanuel Macron, anunciou na tarde desta segunda-feira (16/03) novas medidas para conter o avanço do coronavírus. Em pronunciamento que fez à nação, ele divulgou medidas, como uma quarentena geral de 15 dias no país e o fechamento das fronteiras por 30 dias.

Além do isolamento, Macron ordenou a suspensão de contas de eletricidade, água e gás e aluguel por 45 dias.

Macron adotou uma postura bem enfática ao falar da pandemia. “Nós estamos em guerra contra um inimigo invisível”, repetiu várias vezes. “Quem desobedecer às orientações poderá ser punido.”

Macron ainda criticou a parte da população que continua ignorando protocolos de higiene, subestimando a gravidade da pandemia do Covid-19.

Últimas notícias