Casal brasileiro que morou no DF morre em acidente na Austrália

Eduardo e Danielle deixaram quatro filhos órfãos. Amigos organizam campanha para ajudar as crianças

Facebook/Reprodução

atualizado 13/01/2020 17:21

Um casal de brasileiros morreu em trágico acidente na cidade de Binningup, na Austrália, nesse domingo (12/01/2020), ao retornar de passeio. No carro, estavam Eduardo Rodrigues, 41 anos, e Danielle Billeski, 37, três filhos das vítimas e os pais de Eduardo, que sobreviveram.

O automóvel saiu da pista e capotou várias vezes. As informações são do site australiano SBS.

As crianças são um bebê — ainda em fase de amamentação —, um menino de 3 anos e uma menina de 6. O casal tem outro filho, um adolescente de 15 anos, que vive no Brasil com a avó materna.

Formado em engenharia civil pela Universidade de Brasília (UnB), Eduardo trabalhava como motorista de ônibus na cidade de Perth, extremo oeste da Austrália. Danielle era cozinheira em uma creche. Antes de mudar de continente, a família vivia em Santos, no litoral paulista. Ambos moraram e estudaram em Brasília.

O casal tinha acabado de adquirir a permissão definitiva para residir no país. Recentemente, Danielle e Eduardo realizaram o sonho de se mudar para uma residência nova.

Fernanda Nakamura, amiga da família há mais de 10 anos, criou uma campanha de arrecadação no serviço GoFoundMe chamada “Quatro brasileirinhos órfãos em Perth”. Até o momento, 60 mil dólares australianos já foram arrecadados, o equivalente a mais de R$ 171 mil.

0

“Os brasileiros na Austrália se mobilizaram. Temos uma brasileira que está amamentando o bebê de 2 meses no hospital de Perth e famílias se revezando no hospital, cuidando dos outros dois meninos e dos pais do Eduardo,” disse Fernanda à SBS.

Irmão de Danielle, Matheus Bileski fez relato emocionado e publicou um vídeo no Facebook no qual aparece se encontrando com a irmã, o cunhado e os sobrinhos num aeroporto.

Ainda segundo Fernanda, os pais de Eduardo sofreram ferimentos leves e estão bem. Eles viajavam no banco de trás do utilitário Nissan Pathfinder – com espaço para sete pessoas. As três crianças estavam no banco do meio.

Os filhos do casal, conforme a amiga, ainda estão em choque emocional e perguntando pela mãe no hospital. “Agora é tentar cuidar dos filhos nesse momento difícil, cuidar da documentação, trazer a mãe da Danielle, fazer o traslado dos corpos, tudo aconteceu há menos de 24 horas e estamos em choque”, declarou Fernanda à SBS.

Últimas notícias