“Postura arrogante”, diz presidente do Inter sobre Marcos Braz

Flamengo e Internacional se enfrentam neste domingo, a partir das 16h, no Maracanã, e "decisão antecipada" esquenta o clima nos bastidores

atualizado 18/02/2021 14:01

Alessandro Barcellos, presidente do InternacionalRicardo Duarte/Internacional

A “final” do Campeonato Brasileiro envolvendo Flamengo e Internacional, no domingo (21/2), tem agitado os bastidores. Marcos Braz, vice-presidente de futebol do time carioca, acusou o presidente do Inter, Alessandro Barcellos, de tentar influenciar a arbitragem. Nesta quinta-feira (18/2), o mandatário do Colorado rebateu o que considerou uma “postura arrogante” do dirigente rival.

Ao insinuar que Barcellos estaria colocando pressão na arbitragem, Marcos Braz ironizou: “Acho que o que o presidente falou lá é até em função de não estar acostumado a chegar nas finais. Se empolgou um pouco. Até porque, ninguém vai chegar e colocar pressão com o maior respeito que temos com o Inter”, afirmou o dirigente do Flamengo, na quarta.

Um dia depois, em entrevista ao programa BB Debate, na ESPN, Barcellos rebateu: “O futebol brasileiro tem que ultrapassar o cartola antigo, que achava que tirava o foco do jogo chamando atenção assim. O futebol está muito grande para isso. É lamentar esse tipo de postura arrogante, tenho certeza que foi direcionado a mim, não ao clube, porque o Internacional é muio grande, está acostumado com títulos.”

Flamengo e Internacional se enfrentam neste domingo, a partir das 16h, no Maracanã. O duelo válido pela 37ª rodada do Brasileirão, a penúltima da competição, pode definir o campeão de 2020. Se o Inter vencer, dará a volta olímpica com uma rodada de antecedência. Uma vitória do time carioca força a troca de líder a uma rodada do fim.

Mais lidas
Vídeos
Últimas notícias